Processadores Intel poderão sofrer aumentos ainda este ano

A Intel está a preparar um aumento de preços dos seus processadores e chips. A Nikkei relata que a fabricante de chips irá aumentar os preços dos seus principais CPUs e também de uma ampla gama de outros chips ainda este ano, incluindo Wi-Fi e outros chips de conectividade. A Intel já informou os seus clientes sobre os aumentos de preços.

O Nikkei relata que os preços ainda não foram finalizados, mas alguns chips podem levar um aumento de 20%. A Intel já tinha alertado no início deste ano que estava a analisar uns possíveis aumentos de preços para certos chips, devido à inflação em andamento e ao aumento dos custos dos materiais e mão de obra.

“Na tele conferência de resultados do primeiro trimestre, a Intel indicou que iria aumentar os preços em certos segmentos dos seus negócios devido a pressões inflacionárias”, disse um porta-voz da Intel num comunicado ao Nikkei. “A empresa já começou a informar os clientes sobre estas mudanças.”

Os aumentos de preços ocorrer no momento em que as remessas de PCs sofreram um grande declínio e a inflação já está a afetar os preços médios de venda de PCs. O Gartner revelou esta semana que as remessas mundiais de PCs caíram quase 13% neste trimestre. “Este é o declínio mais acentuado em nove anos para o mercado global de PCs, causado por desafios geopolíticos, económicos e da cadeia de materiais que afetam todos os mercados regionais”, diz Gartner num comunicado à imprensa.

O mercado de PCs na Europa, Oriente Médio e África teve um declínio ainda maior (18%), de acordo com o Gartner. “Este é um grande revés no volume total após dois anos de crescimento muito forte estimulado também pelo COVID-19″, diz Mikako Kitagawa, diretora de pesquisa do Gartner. “O abandono ou abandono completo das operações na Rússia devido à guerra na Ucrânia teve um impacto ainda maior no mercado de PCs, já que as remessas de PCs russos para os principais fornecedores de PCs costumavam contribuir com 5-10% do volume total de PCs da EMEA.”

Enquanto o mercado de PCs está a oscilar e a Intel se prepara para aumentar os preços das CPUs, o oposto está acontecer no lado das GPUs. A grande escassez de GPU terminou no mês passado, em parte graças ao crash criptográfico em andamento. Os mineradores de criptografia estão a inundar o mercado com cartões que não são mais lucrativos, e isso significa que novas GPUs estão disponíveis nas prateleiras. A Nvidia começou a agrupar jogos gratuitos com algumas placas RTX 3080, 3080 Ti, 3090 e 3090 Ti.

Construir um PC para jogos ou comprar um pré-construído, parece ser agora o momento ideal durante as quedas do preço da GPU e antes dos aumentos de preço da CPU. Estamos prestes a entrar noutra era de atualizações de CPU e GPU, particularmente com as novas GPUs da série 40 da Nvidia supostamente programadas para chegar nos próximos meses.

Fonte: Nikkei

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui