Lei Trump que proíbe entrada de estrangeiros enfrentada por uma centena de empresas

Red Magic 3S

Praticamente uma centena de empresas americanas colocaram uma providência cautelar num tribunal americano para tentar contornar a lei de Trump que proíbe a entrada de estrangeiros no território. Ao todo são 97 grandes empresas, nas quais se contam as tecnológicas Apple, Airbnb, Facebook, Google, Intel, Microsoft, Netflix, PayPal, Twitter, Uber e Y Combinator.

Na causa interposta no Tribunal de Apelação Americano para o 9º Circuito pode ler-se que a ordem dada pelo presidente Trump «vai contra os princípios da legalidade, é discriminatória e lesa os interesses da economia americana».

A questão da imigração tem vindo a levantar várias questões sobre os índices de crescimento da economia americana. O país está dependente de talentos estrangeiros, estando a progressão de empresas tecnológicas altamente dependentes de imigrantes. Anualmente está orçada em mais de 4,2 milhões de milhão de dólares o valor das empresas que dependem destas pessoas.

Na economia americana 28% das novas empresas abertas entre 2006 e 2010 pertenciam a imigrantes.

Fonte: Washington Post

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here