Tesla já está a vender automóveis com processadores AMD Ryzen

As produtoras de automóveis têm lutado para garantir o suprimento de chips e a capacidade de computação de seus veículos desde o ano passado, sendo que a escassez de processadores não está a afetar apenas os computadores e os smartphones, mas toda a industria tecnológica.

A Tesla não foi exceção, mas foi muito melhor do que a maioria, pois conseguiu aumentar a sua produção significativamente no mesmo período, sendo que para ajudar a aliviar a necessidade de chips, Tesla girou em torno de microcontroladores para alguns subsistemas, sendo que continua a preicssar do poder de processamento e placas gráficas.

A Tesla começou, assim, a usar um novo chip AMD em novos veículos Modelo Y na China depois de também se mudar para a AMD no novo Modelo S. A Tesla sempre foi extremamente focada em melhorar o poder da computação em seus veículos, o que as pessoas costumam chamar de “computador sobre rodas” atualmente.

blank

Muito do foco tem sido em seus chips para condução autónoma, que a empresa acabou projetando sozinha, mas a Tesla também tem atualizado seus chips para seu sistema de entretenimento (MCU). No início, a Tesla fez parceria com a Nvidia, depois mudou para a Intel, e agora parece que pode estar se mudando para a AMD, uma grande empresa americana de semicondutores.

A Tesla iniciou as entregas do Modelo Y Performance produzido na Gigafactory de Xangai, sendo que agora que está a chegar aos clientes, foi descoberto que a Tesla está a utilizar o processador AMD Ryzen par ao MCU do Model Y Performance.

Não está claro se apenas o novo modelo Y Performance está usando o chip AMD, mas todas as variantes de um veículo Tesla geralmente usam o mesmo computador de bordo. Curiosamente, a Tesla também usou a AMD para alimentar o novo computador de entretenimento no novo Modelo S.

Nesse caso, a produtora precisava de muito poder, pois afirma ter o mesmo poder de computação dos consoles de jogos de última geração presente no seu automóvel. Esta parceria também não totalemtne uma surpresa, já que a Tesla já utiliza a AMD na plataforma de jogos, bem como na inteligência artificial.

Parece que a AMD está se tornando um parceiro mais importante para a Tesla e será interessante ver se mais veículos mudarão para os chips AMD.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here