Netflix perde terreno em Portugal

As plataformas de streaming vieram revolucionar a forma como se vê filmes e séries em todo mundo e Portugal não foi exceção. Se ao início serviços como a Netflix não estavam acessíveis a todos, com os diversos planos oferecidos tornou-se cada vez mais comum existir uma subscrição por casa.

Após ter chegado ao mercado nacional em 2015, a Netflix conquistou utilizadores de todas as faixas etárias e despertou a atenção de várias empresas para a elevada procura em Portugal. Não tardaram a surgir novos serviços e no mercado o que levou a um aumento na disputa por novos utilizadores.

Apesar de ainda liderar as escolhas dos portugueses, a Netflix (atualmente com 25% de escolha) está a perder terreno para a Amazon Prime Vídeo (23%). O aumento de utilizadores nesta última plataforma é em parte explicada pela inclusão da mesma nas ofertas comerciais de operadoras de telecomunicações. Em alguns casos encontramos ofertas do serviço e do serviço HBO de até 24 meses. Em apenas um ano de existência no nosso mercado, o grande destaque vai para a Disney Plus que conta já com 17% das escolhas surgindo num empate com a HBO.

blank

Segundo a pesquisa levada a cabo pela Just Watch, a grande vencedora este trimestre é a Disney Plus. Aquele que surgiu inicialmente como um serviço mais direcionado para crianças e jovens tem-se demonstrado capaz de angariar público das mais diversas idades. Nota disso é a terceira posição ocupada pela famosa série Anatomia de Grey no ranking das séries mais vistas naquela plataforma de stream.

Com o aumento dos preços das subscrições da Netflix, muitos acreditam que a empresa possa perder clientes para as suas adversárias diretas.

Fonte: Exame Informática

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here