Microsoft agora avisa da possibilidade de Fake News no browser mobile Edge

24 de Janeiro de 2019
3 Partilhas 123 Visualizações

A Microsoft começou a alertar os utilizadores do seu navegador móvel sobre sites de notícias não confiáveis. A gigante do software fez uma parceria com o NewsGuard para fornecer avisosno seu browser mobile para iOS e Android, e essa funcionalidade foi adicionada esta semana como uma configuração opcional.

A NewsGuard foi fundada pelos jornalistas Steven Brill e Gordon Crovitz e classifica os sites com base em vários critérios, incluindo o uso de títulos enganosos, sites que publicam repetidamente conteúdo falso, e transparência em relação à propriedade e ao financiamento do projeto.

A Microsoft começou a oferecer a extensão NewsGuard para o Edge na versão desktop do Windows 10 no ano passado, mas a decisão de criar isso diretamente na versão móvel sugere que a empresa pode estar a procurar fazer disso uma parte central do Edge no futuro. Segundo o The Guardian, o Edge Mobile agora está a alertar os utilizadores de que o site do Daily Mail, Mail Online, “geralmente não mantém os padrões básicos de precisão e responsabilidade”.

Embora o Edge mobile não seja amplamente usado, a mudança da Microsoft ainda é significativa. Especialistas alertam há muitas notícias e informações falsas geridas por máquinas de inteligência artificial, sendo que um falta de alfabetização digital pode tornar as pessoas facilmente vulneráveis ​​a notícias falsas e fraudes virais, e à medida que a tecnologia e a inteligência artificial ficam ainda mais inteligentes, será mais difícil identificar uma farsa.

Já há várias empresas já estão a tentar lidar com imagens falsas usando plug-ins e o NewsGuard é um dos que se destaca nesta nova área de mercado para combater as “Fake News”.

Um dos grandes obstáculos é fazer com que as pessoas instalem um add-on como o NewsGuard, e a Microsoft removeu essa barreira do Edge Mobile incluindo-a diretamente. É incomum, já que as empresas de tecnologia lutam para se apropriar de campanhas de desinformação. A NewsGuard também está a assumir a responsabilidade por suas classificações, e o co-fundador Steve Brill diz ao The Guardian que as pessoas podem culpar o NewsGuard. “Eles podem nos culpar. E ficamos felizes em ser culpados ”, diz Brill. “Ao contrário das plataformas, ficamos felizes em ser responsáveis”.

Artigos interessantes

Ver que programas estão a usar mais internet no computador
Dicas
29 Visualizações
Dicas
29 Visualizações

Ver que programas estão a usar mais internet no computador

Nelson Paiva - 18 de Fevereiro de 2019

  O Windows regista o volume de dados que cada aplicação usa para se ligar à internet e isso pode…

Novos AirPods da Apple terão uma nova cor: Preto
Tecnologia
7 Partilhas52 Visualizações
Tecnologia
7 Partilhas52 Visualizações

Novos AirPods da Apple terão uma nova cor: Preto

Bruno Peralta - 17 de Fevereiro de 2019

Em janeiro já tinham surgido alguns rumores sobre os novos auriculares da Apple, os AirPods "2", que deverão surgir durante…

A Ford inventou um cama de casal anti transgressão
Casa & Familia
22 Partilhas91 Visualizações
Casa & Familia
22 Partilhas91 Visualizações

A Ford inventou um cama de casal anti transgressão

Sandra Pacheco - 17 de Fevereiro de 2019

Irá salvar muitos casamentos. O improvável aconteceu. Quem diria que a empresa que nunca imaginaríamos, preocupada com o relacionamento dos…

Comente

O seu email não será publico