Matrics: nova marca de gaming portuguesa chega ao mercado

A Matrics aproveitou o evento Moche XL eSports, para apresentar a sua nova marca de gaming, disponibilizando uma gama transversal de produtos de gaming com o máximo de especificações por artigo, complementando a oferta nacional no mercado dos eSports.

O portefólio foca-se na qualidade de acabamentos e performance, com os preços mais competitivos.

O processo que origina os produtos MATRICS começa sempre pelos gamers. A marca consultou jogadores portugueses para compreender as especificações e características que lhes são mais relevantes, sendo esta a base da conceptualização de cada artigo. Os produtos, fabricados na Asia, tem um controlo de qualidade feito por equipa especializada, localizada em Portugal, onde se processam as fases de design, conceção, especificação, testes e validação do protótipo desenvolvido.

A MATRICS é uma marca de gaming detida pela Interplay Lda., uma empresa de referência na area da eletrónica de consumo. O objetivo da marca é, numa fase inicial, focar-se nos gamers nacionais e fortalecer-se no mercado portugues, colocando-o ao mesmo ritmo de outros paises que ja estão mais desenvolvidos no setor. Na fase inicial, os produtos estarão à venda em vårios retalhistas de referência, como a MediaMarkt e a Meo.

Objetivo da Matrics para Portugal

É uma marca portuguesa, sendo que o seu design é criado em Portugal. Segundo Adriano, o objetivo é de agradar a todos os consumidores, desde gamers que se estão a iniciar, como gamers mais experientes.

Segundo o referido pelos responsáveis, por agora o fabrico de produtos será feito na Ásia, mas há planos para que isso aconteça em Portugal.

50 milhões de clicks com a MATRICS

Os gamers portugueses vão agora poder reclinar-se a 180 graus numa confortável cadeira de pele com elevador classe 4 e braços ajustáveis em quatro sentidos, a Throne. Desta forma, podem aproveitar os seus videojogos e desportos eletrónicos de eleição com apenas 1 microssegundo de tempo de resposta, no Gaming Stand, o monitor flat de 24 polegadas da MATRICS. Podem prever, pelo menos, 50 milhões de clicks em complemento ao Phantom, um teclado mecânico com switch otico que representa o futuro deste produto periférico. Estes são alguns artigos de destaque do vasto portefólio da marca.

Em Portugal, o mercado do gaming valia, em 2018, cerca de 265 milhões de euros, segundo estimativas do Newzoo. A realização em Lisboa do BLAST Pro Series 2018, o torneio internacional de Counterstrike demonstra como Portugal está a ganhar reconhecimento internacional nesta área. O Girl Gamer eSports Festival foi outro evento internacional, direcionado às participantes femininas, que se realizou em Lisboa em 2018.

Eventas nacionais como o Moche XL eSparts estão também a proliferar e a diversificar-se, revelando o potencial de um mercado que, segundo várias fontes, já vale mais do que as indústrias de video e música juntas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here