Motor de Inteligência Artificial da Google já escreveu romance literário

Google

A Google obrigou o seu motor de Inteligência Artificial a ler mais de 2865 romances de modo a fazê-lo melhorar a sua interação com humanos e melhor perceber a linguagem por nós utilizada.

Esta estratégia visa melhorar a interação dos produtos da Google com as pessoas, e dar melhores respostas aos pedidos dos humanos. Em declarações ao site BuzzFeed News, um dos responsáveis por este departamento afirmou que o treino deste tipo de motores com uma alimentação massiva de romances literários permite-lhe assimilar muitas nuances da linguagem.

Depois disso o motor ficou encarregue de escrever frases da sua autoria tendo como base o que havia aprendido. Os resultados foram depois comparados com o texto dos livros originais que havia lido. Ainda de acordo com a Google, o motor escreveu uma obra literária sozinho.

Este não foi o primeiro livro escrito por um robô, já que em 2013, o NaNoGenMo desenvolvido por Darius Kazemi escreveu um breve romance para o concurso National Novel Generation Month que premeia obras escritas com cerca de 50.000 palavras nos 30 dias do mês de novembro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here