Paulo Portas mantém o silêncio

Lisboa - Paulo Portas Comissão ParlamentarO presidente do CDS, Paulo Portas, continua sem se pronunciar acerca das medidas de austeridade anunciadas na passada semana. O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, fez saber que o ministro do Estado e dos Negócios Estrangeiros esteve a par das medidas antes que estas fossem anunciadas.

Paulo Portas confirmou o seu silêncio até amanhã, em reunião à porta fechada com a Comissão política do partido, este sábado, o deputado admitiu que pode afinal não falar hoje. O assessor de imprensa do CDS avançou que o silêncio de Portas se deve “aos trabalhos estarem bastante atrasados”.

Embora não fale sobre as medidas de austeridade, Paulo Portas, numa mensagem enviada à Conferência das Regiões Ultra Periféricas, nos Açores, afirmou que “Notação positiva da troika é activo para o País”.

O facto de Portas não falar sobre a atual situação de austeridade nacional tem gerado uma onde da contestação entre os partidos nacionais. Os deputados da oposição presentes na Comissão parlamentar dos Negócios Estrangeiros criticaram aquilo que consideraram ser “silêncio fúnebre” do ministro Paulo Portas sobre as novas medidas de austeridade. Já Manuel Monteiro, antigo líder do CDS, entende que o líder do CDS “criou um tabu”ao continuar em silêncio sobre as medidas de austeridade anunciadas pelo Governo, tendo criado assim uma situação complicada para si mesmo.

Espera-se que amanhã Paulo Portas quebre o silêncio e se pronuncie sobre as medidas de austeridade anunciadas pelo primeiro-ministro, Passos Coelho, e pelo ministro das Finanças, Vítor Gaspar.

10 COMENTÁRIOS

  1. Mas alguém alguma vez teve dúvidas sobre as reais intençpões de Paulo Portas e sobre a sua honestidade intelectual? O que eu não entendo é como tanta gente se deixou enganar por este excelente actor de teatro!!!!

  2. Ele bom jornalista, bom comunicador. Mas mau politico ; é igual aos outros e não venha cá fazer.se de santinho …. de convecente não tem nada de mentiroso tem tudo….

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here