Análise ao iPhone 5S: identidade renovada

iPhone 5SA Apple volta a não alterar o design no iPhone 5S, mas trás novidades. Será o sensor de impressão digital e um processador de 64bits o suficiente para convencer?

Lançado em Setembro do ano passado, o iPhone 5 bateu todos os recordes de vendas logo na primeira semana. Vendeu quase o dobro do iPhone 4S e apresentava como principal novidade o aumento de ecrã e a capacidade de lidar com as redes 4G, e o mais surpreendente a nível de hardware, o abandono da ficha de 30 pinos para um mais pequeno e simplificado conector lightning de 8 pinos. Esta ideia não agradou a todos uma vez que há 5 gerações de iPhone’s, iPad, iPod que se utilizava uma porta comum e que todos nós já possuíamos inúmeros acessórios intermutáveis entre equipamentos. Foi o primeiro passo para a ruptura com o passado.

iPhone 5S (5)O iPhone 5S vem abrir o novo caminho para o futuro. Em 2005 vimos a revolução na computação ao sermos brindados com os processadores de 64 bit, com múltiplos núcleos. Agora é a vez dos terminais moveis, o primeiro telefone da história a ter um processador de 64 bit. A impressão digital é também a imagem de marca deste 5S. Continuamos sem poder mudar de bateria e sem ter como expandir a memória de armazenamento…

Porém, as cartas estão lançadas para um futuro brilhante na Apple.

Características e acessórios

Quando abrimos a embalagem deste novo iPhone 5S acontece o que sempre se passa pela nossa cabeça quando temos um iPhone novo. O primeiro contacto visual com esta peça de engenharia deixa-nos maravilhados. A qualidade de construção com que temos sido brindados ao longo dos anos mantém-se. Segue na tabela algumas características do novo 5S e como não poderia deixar de ser segue uma comparação com o iPhone 5.

Tabela Características

Como acessórios o de costume, cabo de dados lightning com carregador de parede, documentação, Auscultador do tipo interior com controlos de volume e mute.

Design e ecrã

iPhone 5S (11)À primeira vista ficamos com a sensação que estamos a ver mais do mesmo e que o iPhone 5 foi relançado. Mas enganem-se. Esta para mim é das mais profundas mexidas a nível de hardware interior que se viu na transição de gerações. Arrisco-me a dizer que até mesmo do 4S para o 5 não se viu nada assim.

A Construção em alumínio mantém-se nesta versão com um toque de requinte ao ser incluída a cor dourada no leque de opções para os utilizadores. Foi, alias, a cor que esgotou nos Estados Unidos na semana do lançamento. Este aparelho leva-nos para uma nova dimensão no mundo das comunicações móveis. Tudo foi pensado até ao ultimo detalhe à semelhança do que havia sido feito com o iPhone 5. Mas é no interior que vamos encontrar as grandes alterações deste telefone. Está ainda disponível a cor prata e cinza como opção.

iPhone 5S (8)Uma das alterações mais sonantes foi o abandono do botão iniciar. Não a exclusão do mesmo mas a tradição foi rompida ao ser retirado o habitual quadrado de cantos curvos do botão home. Mas a par desta reformulação estética, chega uma ao nível do hardware. O mesmo botão tem agora a capacidade de ler impressões digitais o que a meu ver abre uma grande expectativa em relação ao futuro. Neste momento serve para desbloqueio do telefone.

Todo o tempo que tivemos com o equipamento esta função funcionou sempre a 100%, garantindo um rápido desbloqueio sem ter que recorrer a códigos que por vezes nos enganávamos. Mas penso que esta introdução é visionária. Poderá num futuro próximo assinar documentos, autenticar compras na App Store ou quem sabe autorizar o pagamento de compras online associando um “Visa” à sua impressão digital. As possibilidades são agora infinitas.

A nível de ecrã não fomos surpreendidos. Uma das queixas de alguns do utilizadores do 5 é a dimensão reduzida do ecrã face à concorrência. Penso que neste upgrade podia ter sido feito melhor. Todos os grandes concorrentes do iPhone neste momento introduziram a Alta resolução (Full HD) nos seus ecrãs. O iPhone ficou-se mais uma vez pelos 640 x 1136. Não quero dizer com isto que não tenha qualidade. Muito pelo contrário.

iPhone 5S (2)À semelhança do seu antecessor, o ecrã é soberbo! O contraste neste ecrã retina e o seu desempenho em filmes é fantástico. Em ângulos elevados com sol directo na superfície consegue ter uma facilidade de leitura difícil de igualar, com uma sensibilidade ao toque perfeita ao estilo que a Apple nos tem habituado. Poderia ser mais resistente. Temos sempre a sensação que à mínima queda as possibilidades de se quebrar aproximam-se dos 100%.

Interface e desempenho

iPhone 5S (24)Foi no desempenho que ficamos surpreendidos. A introdução ao mundo dos 64bit abriu as portas a um caminho que a concorrência ainda não tinha tido acesso. Um mundo de possibilidades acabou de nascer. Um desafio às produtoras de software. O novo processador A7 tem uma capacidade de processamento incrível. Não se deixe enganar pelos dois núcleos e pelo clock baixo. Apenas servem para manter o nível de eficiência energética mais elevado permitindo uma autonomia superior ao seu antecessor utilizando uma arquitetura de transístores mais pequenos e eficientes.

À semelhança dos PCs, a arquitetura dos 32bit trouxe um grande entrave ao que à evolução diz respeito. Limita de forma crassa o tamanho máximo de memória RAM do dispositivo a 4GB. A pensar no futuro temos agora o novo A7. Para além de possibilitar uma expansão de tamanho da memória no futuro permite ter agora 1GB a correr em DDR3. Um passo de gigante para este segmento pois até as aplicações mais exigentes foram testadas e passadas com distinção.

Foram efetuados vários testes para testar se realmente havia uma evolução na transição para a 7ª geração do iPhone. Houve. Claramente. O iPhone 5S deixou muitas vezes a concorrência para trás em testes como o GFX Benchamrk ou o 3D Mark. Segue os resultados comparativos.

3DMarkBenchmark

GFX Bemchmark

iPhone 5S SS (1)

Em quase todos os testes o iPhone 5S passou com distinção afastando-se em alguns dos seus adversários mais diretos com quad-core. Muito impressionante o que se conseguiu fazer com apenas dois núcleos de processamento mas alterando apenas a arquitetura do mesmo para 64bit e mudando o bus da memória. Foram testados ainda alguns jogos da App Store (em versão demo). Não houve nenhum que solicitasse mais do processador do que aquilo que ele consegue dar. Qualquer que seja a tarefa solicitada a este A7, ficamos com a certeza que será concretizada na sua plenitude e sem engasgos. O maior progresso de sempre numa nova geração de iPhone. Sem dúvida.

Não nos vamos alongar muito no interface operativo porque temos disponível para consulta uma análise ao iOS 7. Apesar de controverso o mesmo parece encaixar que nem uma luva neste telefone. A Apple afirma mesmo que foi desenhado especificamente para ser utilizado na sua plenitude nesta plataforma de hardware.

Câmara e multimédia

A nível de câmara não foi feito muito. A inclusão de um sensor 15% maior proporcionou a capacidade de a câmara trabalhar com maiores aberturas, podendo neste momento fotografar em f2.2 o que permite a entrada de mais de 33% de luz para o mesmo em relação ao seu antecessor. Mantêm-se os 8MP na câmara posterior e 1,2Mpx na anterior.

iPhone 5S (13)As 10 fotografias por segundo são também uma inovação. Disparo contínuo que nos permite posteriormente selecionar aquela foto que ficou perfeita.

A grande novidade será mesmo o dual flash. Com esta tecnologia a Apple acredita ter recriado a maneira como se fotografa o sujeito. Com duas tonalidades diferentes, uma branca e uma âmbar é possível combinar mais de mil tons que quando projectados no sujeito que fotografamos confere uma luz mais natural e nítida que com os flashes convencionais. Com o estabilizador de câmara incorporado temos a certeza que mesmo em movimento com pouca luz, a grande abertura combinada com este último vai fazer fácil o sonho de tirar uma boa foto em qualquer momento.

Achei realmente inovador a inclusão do modo de vídeo em alta velocidade. Ao gravar sequências em 120 imagens por segundo e uma vez finalizado é reproduzido nos naturais 30. O efeito conseguido é soberbo. Imagens em alta resolução daquele carro a derrapar na corrida ou do amigo a saltar para a piscina, tudo em câmara lenta mas com uma qualidade soberba. Foi também introduzida a possibilidade de ampliar enquanto se grava o vídeo até 3x.

De entre os modos de gravação de imagens temos o Quadrado que otimiza as fotos que tiramos para serem partilhadas online nas redes sociais com o formato standart, panorâmica que está bastante melhorada em relação aos anteriores modelos, pois com os 30 fotogramas por segundo que agora compõe o disparador e a exposição dinâmica automática temos uma imagem mais nítida mesmo nas condições de contraste difícil como um por do sol no mar. E os já indispensáveis filtros que conferem aquele toque especial à sua foto.

httpv://youtu.be/dBPHSKJVvAM

Veredicto: iPhone 5S

iPhone 5S (20)À primeira vista pode pensar que nada foi feito. Na realidade é como sendo o mesmo carro mas com um novo e renovado motor. Mais potente, eficiente e dinâmico. O coração deste iPhone esta melhor que nunca. Mas valerá a pena comprar? Depende. Como tudo cada caso é um caso e se for já um possuidor de um iPhone 5, que terá certamente menos de um ano o caso será de reflexão pois a inovação será percetível daqui a uns tempos quando as apps forem otimizadas para os 64bit mas se tem qualquer um outro modelo até mesmo da concorrência a resposta é sim.

Foi do melhor que já vimos num telefone. Tudo combina, funciona e corre com uma perfeição assombrosa. Mas os fantasmas da Apple ainda pairam. A impossibilidade de receber aquela foto de um amigo que tem um Android por Bluetooth ou NFC continua a ser o calcanhar de Aquiles da marca da maça e que continua a marcar pontos nos telefones que correm o ultimo SO.

Prós

  • Processador 64bit, memoria DDR3
  • Camara melhorada com dual led
  • Construção

Contras

  • Teimosa incompatibilidade com tudo o que não tem uma maça
  • O ecrã mantem-se o mesmo
  • Bateria inamovível e não há expansão de memoria (de costume já)

Queremos agradecer à Vodafone por ter cedido o iPhone 5s para efetuarmos a análise. O iPhone 5S encontra-se à venda desde o passado dia 25 de outubro a partir dos 679,89€ no site da Vodafone.

Antes da nossa galeria de imagens, pode ver um vídeo onde mostramos o a configuração inicial do iPhone 5S.

httpv://youtu.be/-x8W3s4PMkw

36 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here