Xiaomi Mi 5 pode ter sensor SPO2 e suporte ao Amazon Alexa

As smartbands acessíveis da Xiaomi tem sido um grande sucesso de vendas, assim como os seus smartphones. Fãs e entusiastas estão à espera ansiosamente pela versão próxima versão da pulseira inteligente da Xiaomi: a Mi Band 5. Já têm surgidos algumas informações sobre a smartband, mas estas mais recentes prometem colocar a pulseira num nível bem acima da concorrência.

De acordo com o site TizenHelp, o Mi Band 5 terá funcionalidades que, até agora, apenas temos visto em produtos de preço bem superior. Segundo estas informações, o gadget virá com um sensor de SPO2 e o Alexa embutido.

Um sensor de SPO2 é muito importante, pois ajuda a rastrear os níveis de oxigénio no sangue e alerta o utilizador caso haja alguma discrepância. O recurso será um benefício para as pessoas que sofrem de problemas respiratórios, como asma, DPOC e CPAD.

Apesar de ser um sonho, esta imagem já foi considerada falsa para a nova Mi Band 5

Mas há outra informação que é muito interessante e que tornará a Xiaomi Mi Band 5 numa smartband “a ter”, já que deverá ter o assistente pessoal da Amazon integrado. Sim, estes leaks apontam para que a Alexa esteja presente na Mi Band 5. O Alexa está (quase) em toda parte, e sua adição ao rastreador de fitness incentivará muitos Alexaholics a comprá-lo.

Outra funcionalidade que irá interessar é um rastreador menstrual que exibirá informações críticas como dias férteis, período de ovulação e uma data aproximada para o próximo período, o que será uma excelente adição para o público feminino.

O Mi Band 5 também possui um novo recurso interessante na forma de inteligência de atividade pessoal (PAI). Ele usará parâmetros registados, como altura, peso, idade, IMC e frequência cardíaca, para determinar a quantidade exata de exercício necessário para manter-se saudável.

O recurso já está presente no Mi Band 4, mas foi desativado de propósito. É provável que a Xiaomi mude o interruptor posteriormente para colocar o Mi Band 4 em pé de igualdade com o seu sucessor.

Algumas das outras melhorias do Mi Band 5 incluem a adição de cinco novas atividades, a capacidade de clicar em imagens usando o wearable, um relógio mundial e um calendário. No entanto, há um recurso que permanecerá exclusivo da versão chinesa do rastreador e é o suporte para NFC, já que também a Mi Band 4 tinha uma versão, exclusiva chinesa, com o NFC.

Ainda há alguma incerteza em torno da data de lançamento do Mi Band 5. Ele apareceu em vários sites de certificação, indicando que o produto final está pronto. Há rumores de que um lançamento chinês começará no final de agosto, seguido por uma apresentação global algumas semanas depois.

O preço da Xiaomi Mi Band 5 deve estar entre 30€ e 40€, mas não ficaríamos surpreso se chegasse à marca de 50€, considerando todos os novos recursos que ele traz.

Fonte: GSMArena

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here