Xiaomi 12 Ultra só chega em 2022, mas já há imagens do design e parece incrível!

A Xiaomi já anunciou que o seu próximo smartphone topo de gama terá o novo processador da Qualcomm, sendo que deve ser um dos primeiros a ficar disponível no mercado, com o Xiaomi 12, que vai ser apresentado dentro de alguns dias para o mercado chinês.

Sendo que já há alguns rumores, um dos que tem sido mais interessante é sobre o novo Xiaomi 12 Ultra, a versão topo de gama, que deverá contar com lentes Leica, após o fim da parceria exclusiva entre a Huawei e a Leica. E a câmara traseira promete ser mesmo incrível, tendo em conta as imagens que foram agora reveladas.

A verdade é que a Huawei tem liderado o mercado de fotografia nos smartphones nos últimos anos, desde o início da parceria com a Leica, mas também é verdade que a Xiaomi tem conseguido bons resultados “sozinha”. Assim, podemos imaginar que a junção das duas marcas pode sair algo incrível, certo? E é mesmo isso que estamos a contar com este novo Xiaomi 12 Ultra, quando ficar disponível. Por agora, temos acesso às primeiras (supostas) imagens do smartphone top ode gama da Xiaomi e são bastante impressionantes.

O Xiaomi Mi 11 Ultra veio com uma ilha de câmera pouco ortodoxa, que se estendia de uma ponta a outra, adicionando uma tela minúscula ao mix. Mas o seu sucessor, 12 Ultra (não há mais Mi no nome), também virá com um visual pouco ortodoxo, de acordo com alguns as informações que têm vindo a ser divulgadas e que o site holandês LetsGoDigital tornou as informações em renders 3D reais, o que nos permite ter um vislumbre de como será o Xiaomi 12 Ultra.

A câmera principal e o snapper ultralargo ficarão no centro e à esquerda, enquanto a lente teleobjetiva periscópio ficará na parte inferior da configuração. Há uma quarta câmera no topo do círculo, que pode ser um sensor ToF ou uma telefoto mais curta na faixa 2x-3x. Os demais recortes serão para o flash de LED, o sensor de luz e o PDAF, olhando para  a imagem em baixo da suposta capa traseira.

Xiaomi 12 especificações

Uma das certezas é o processador que equipará os novos Xiaomi 12, sendo que apenas uma possível versão “lite” não será equipamento com o mais recente anúncios da Qualcomm, o novo Snapdragon 8 Gen1, o processador que equipará os smartphones Android topo de gama de 2022. E, tal como tem acontecido nos últimos anos, a Xiaomi costuma ser a primeira a anunciar e a venda o primeiro smartphone com o processador topo de gama da Qualcomm, e este ano não deverá ser diferente.

Quanto ao ecrã poderemos ser surpreendidos. Segundo a Gizmodo, o novo ecrã será menor que o do Xiaomi 11 Pro, o que acaba por ser surpreendente, já que a tendência tem sido aumentar o tamanho dos ecrãs e não o contrário, sendo que o ecrã deverá ter 6,67 polegadas no Xiaomi 12 Pro, o que ate acaba por ser mais agradável, pois apesar de ser bom termos ecrãs grandes, a sua utilização começa a tornar-se difícil.

As laterais continuarão a ser curvas e a câmara frontal deverá ser localizada ao centro na parte de cima do ecrã, sendo que deverá ser um orifício no ecrã e não o notch. Outra novidade é que o novo Xiaomi 12 deverá contar com um novo sistema de dissipação de calor LiquidCool, que certamente será muito bom para reduzir a temperatura dos processadores.

Quanto às câmaras, é esperado que o equipamento conte com um sensor principal de 50MP, um sensor ultra-grande angular e um sensor macros, sendo praticamente certo que o novo Xiaomi 12 terá carregamento super rápido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui