Windows 10 desistala updates com falhas

Por vezes as atualizações do Windows causam falhas no sistema. Aqueles updates que em certas atualizações falham, devido a incompatibilidades ou problemas de software. Essas mesmas atualizações ficam no sistema a causar incompatibilidades que por vezes não sabemos qual a razão do mesmo acontecer.

Por causa destas falhas, a Microsoft fez um anúncio na sua página de suporte que a partir de agora, os updates que sejam detetados como falhas no Windows 10, irão ser desinstalados automaticamente.

“O Windows instala automaticamente as atualizações para manter seu dispositivo seguro e a funcionar com a máxima eficiência. Ocasionalmente, essas atualizações podem falhar devido a incompatibilidade ou problemas em um novo software”, diz o comunicado.

Caso haja algum problema na inicialização, o computador irá emitir uma notificação para que a Microsoft remova a atualização instalada para que a sua máquina recupere da falha de inicialização. O que só será feito, caso outras tentativas de recuperação não sejam bem sucedidas.

Outra medida a tomar pela Microsoft no caso de falhas de atualizações é que o Windows 10 não tenha permissão para instalar de novo os updates que causaram falhas no sistema, durante os próximos 30 dias a seguir à deteção do problema. Estes dias servirão para que a própria Microsoft corriga as falhas registadas para poder tentar novamente instalar as atualizações.

A Microsoft pede a ajuda dos usuários para que partilhem os seu problemas para que melhor os entendam para serem mais fáceis de detetar e corrigir, porque as alterações no sistema operacional nem sempre são iguais entre fabricantes. E é aí que a Microsoft tem maior dificuldade, de entender os problemas específicos que são detetados em cada um.

Esta ajuda por parte da Microsoft ficou disponível dia 12 de Março, no Patch Tuesday, que é a data mensal de atualizações que  são lançadas em todas as segundas Terça-Feira de cada mês.

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here