Volkswagen passará a utilizar exclusivamente os serviços cloud da Microsoft

A empresa de automóveis Volkswagen irá utilizar os serviços de cloud da Microsoft, a plataforma Azure, para todos os futuros serviços de digitais e de mobilidade ofeceridos pelos seus carros.

Este anúncio foi feito na sexta-feira e representa mais um excelente negócio para a plataforma Azure, que tem vindo a conquistar uma parcela significativa do mercado de cloud.

5 milhões de carros anuais

A partir de 2020, mais do que 5 milhões de carros, por ano, da marca Volkswagen irão estar totalmente contactados à Cloud da Microsoft. Um número muito significativo. A Volkswagen também irá estabelecer um escritório dedicado aos serviços cloud no estado de Washington, junto da Microsoft.

Este acordo pode ser visto à luz daquilo que parece ser o futuro dos automóveis: cada vez mais electrónicos e com maior conectividade a outros dispositivos.

Os serviços de Cloud são cada vez mais importantes para a Microsoft

O resultados das receitas do segundo trimestre da Microsoft superaram até as análises mais optimistas.

Os grandes lucros apresentados pela Microsoft são explicados por dois produtos que tiveram um desempenho excepcional: os serviços de cloud Azure que tiveram um aumento de 89%, mas também o Office 365 prouctivity suite. O anuncio dos lucros do último trimestre tiveram um efeito imediato na bolsa e as acções aumentaram quase 4% em poucas horas.

Os serviços cloud foram o principal segredo desta fórmula de sucesso. O negócio dos serviços de cloud tem aumentado exponencialmente. Este serviço tem tido procura sobretudo de empresas que querem poupar custos no armazenamento de informação e em software, que acabam por aderir a pacotes como aqueles oferecidos pela Azure. Mas a procura é cada vez mais generalizada, e o mundo dos automóveis não é excepção.
“A combinação da Cloud, que é uma mega-tendência que veio para ficar durante anos, e a sua execução de uma empresa que sabe como vender e ser inovadora – é difícil argumentar contra seja o que for nesta situação,” referiu Tom Taulli, um analista do website InvestorPlace.com, sobre a forma como a Microsoft tem vendido o seu serviço de Cloud.

Fonte: Reuters

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here