Vale a pena comprar o iPhone 7? E o iPhone 7 Plus?

Red Magic 3S

Foi no dia de ontem que a Apple realizou o evento de apresentação do iPhone 7, iPhone 7 Plus e o Apple Watch Series 2. Mas, será que vale a pena comprar estes novos equipamentos?

iphone-7-e-iphone-7-plusOs rumores eram muitos e praticamente não houve grande surpresa em relação às especificações do novo iPhone 7 e 7 Plus. O que acabou por surpreender foram os novos auriculares da Apple, os AirPods, bem como os novos acessórios de som da Beats. Também o Apple Watch acabou por surpreender muito pouco, sendo que apenas a versão Nike+ Edition foi uma novidade que poucos sabiam.

Sempre que há um lançamento de um novo iPhone, a pergunta-se impõe-se: Vale a pena comprar o novo iPhone 7? Vale a pena fazer o upgrade ao meu iPhone do ano passado? E se for do ano anterior? Por esse motivo, criamos este tipo de guia e opinião, que esperamos que o ajude a resolver este “problema”.

Vale a pena comprar o iPhone 7?

O iPhone 7 foi apresentado ontem e uma diferença que rapidamente vemos, e que costuma acontecer na mudança de número no iPhone, é no design. No entanto, e ao contrário do que tem acontecido, a mudança de design não é tão radical como aconteceu em versões anteriores.

iphone-7-2O design continua metálico, no entanto a área da antena mudou de localização, encontrando-se junto à curvatura do smartphone em cima e em baixo, em vez de “cortar” o smartphone a meio. A câmara também tem uma pequena alteração, apesar de manter-se saliente uma das críticas que fizemos na análise ao iPhone 6S. De resto, tudo se mantém similar ao antecessor. Uma novidade é a proteção IP67, que promete proteção a pó e água, até 30 minutos.

Outra grande diferença é uma nova cor, o Jet Black que é uma versão do iPhone 7 em preto brilhante, que é muito interessante e, certamente, fará um sucesso no mercado.

Vamos para o ecrã e voltamos a encontrar igualdades em comparação com o modelo anterior. Aqui, apenas é indicado que o ecrã é mais brilhante e tem cores mais vivas, sem referência à resolução, que deverá manter-se a mesma. Assim, considera-se que a alteração nesta área é praticamente nula.

iphone-7

As grandes melhorias começam no processamento que, como seria de esperar, é bastante melhor, com o lançamento de um novo processador Apple A10 fusion. Este novo processador é um quad-core, sendo que há dois núcleos de alto desempenho, enquanto os outros dois são focados na eficiência da bateria, com a Apple a apelidar este A10 Fusion de “mais poderoso processador de sempre num smartphone”.

Em comparação com processadores anteriores, o iPhone 7 é 40% melhor que o A9 e duas vezes mais rápido que o A8, sendo que também a GPU é melhor, 50% mais rápido que o A9 e duas vezes melhor que o A8.

As câmaras também ganham melhoramentos, apesar de manterem os 12MP. O iPhone 7 conta com estabilizador de imagem OIS, uma abertura de f/1.8, 6-element lens, um sensor 60% mais rápido, um flash de quatro tons com 50% mais luz, mas também o processador de imagem é novo, que poderá fazer mais de 100 mil milhões de operações.

iphone-7

Com esta abertura, o iPhone 7 promete um grande melhoramento na captação de fotografias com pouca luminosidade, também com uma boa ajuda do flash se for preciso. Ainda nesta área, há a referir a possibilidade de captação de fotografias em formato RAW. A câmara frontal também sofre um update para os 7MP, também com estabilizador de imagem.

Estas especificações são interessantes, mas a não ser a câmara, que ganha estabilizador de imagem e capta fotografias com pouca luminosidade com melhor qualidade, as novidades em relação ao iPhone 6S são muito poucas. Podemos até considerar que há um pormenor negativo.

O botão Home também deixa de ser “clicável”, sendo sensível ao toque e vibrará para percebermos que tocamos no botão.

O iPhone 7 deixa de ter jack para auriculares 3,5mm, e passará a utilizar o cabo lightning. No entanto, a Apple acaba por ter uma atitude inteligente, introduzindo uma adaptador de lightning para jack 3,5mm na compra de qualquer iPhone 7, para que, assim, assegure que isto não é justificação para que não compre o novo iPhone.

Assim, considero que se tiver um iPhone 6S não justifica a mudança para o novo equipamento, já que o preço a pagar é demasiado alto, até porque não tem grandes novidades. Há ainda a referir que em 2017, o iPhone celebra 10 anos e é provável que a Apple se foque neste aniversário para lançar alguma coisa realmente inovadora e única, portanto poderá valer a pena esperar.

No entanto, se tiver um iPhone 6, a mudança já começa a justificar. A diferença de processamento já começa a ser evidente, sendo que a captação de fotografias também ganha muitas melhorias. E, não nos podemos esquecer do 3D Touch, que o iPhone 6 ainda não tem.

O iPhone 7 custa 779€ (32GB), 889€ (128GB) e 999€ (256GB), sendo que Portugal será um dos primeiros países a ter o smartphone à venda já no próximo dia 16 de setembro.

Vale a pena comprar o iPhone 7 Plus?

O iPhone 7 Plus também conta com a maioria das novidades lançadas no iPhone 7. O ecrã é o mesmo, no entanto tem um tamanho de 5,5 polegadas, o mesmo processador, a mesma proteção IP67, o design é praticamente igual e a bateria é maior.

iphone-7-plus

A grande diferença entre os modelos é a câmara, que também acaba por influenciar o design do smartphone. Como pode ver nas imagens, com a dupla câmara de 12MP, o design sofre uma pequena alteração, no entanto continua bem saliente. Mas para quê as duas câmaras de 12MP? A Apple não seguiu o caminho da Huawei, mas é similar ao LG G5.

As duas câmaras do iPhone 7 Plus permite oferecer melhor qualidade de fotografia, já que capta duas imagens ao mesmo tempo. Além disso, permite um zoom de maior qualidade, nomeadamente no zoom 2x, apesar de, na apresentação, o zoom até 10x manter uma excelente qualidade de fotografia.

Uma das câmaras é grande angular e outra é telephoto, sendo que também o iPhone 7 Plus conta com estabilizador de imagem OIS, uma abertura de f/1.8, um flash de quatro tons com 50% mais luz, mas também um novo processador de imagem. Também a captação em formato RAW é possível com o iPhone 7 Plus.

iphone-7-plus-bokehOutra novidade única no iPhone 7 Plus é o efeito “bokeh” nas fotografias. Em comparação com o Huawei P9, a diferença é que este efeito poderá ser visto logo na pré-visualização da fotografia, na aplicação da câmara, o que permitirá saber como ficará o resultado final. No entanto, esta novidade apenas surgirá no iPhone 7 Plus no final do ano, numa atualização à aplicação da câmara do iPhone 7 Plus, que será realizada pela própria Apple.

Em termos de bateria, o iPhone 7 Plus terá uma duração superior em 1h em relação ao antecessor iPhone 6S Plus, o que não é muito e, provavelmente, nem se notar na utilização normal.

O botão Home também deixa de ser “clicável”, sendo sensível ao toque e vibrará para percebermos que tocamos no botão.

Podemos até considerar que há um pormenor negativo em comparação com antecessores. O iPhone 7 deixa de ter jack para auriculares 3,5mm, e passará a utilizar o cabo lightning. No entanto, a Apple acaba por ter uma atitude inteligente, introduzindo uma adaptador de lightning para jack 3,5mm na compra de qualquer iPhone 7, para que, assim, assegure que isto não é justificação para que não compre o novo iPhone.

iphone-7-plus-4

No caso do iPhone 7 Plus, vemos mais diferenças e melhoramentos do que o iPhone 7 quando os comparamos com os antecessores. É que a dupla câmara é uma excelente mudança que ajudará os indecisos a tomar a decisão para o novo iPhone. No entanto, há que referir que este smartphone/phablet terá um preço mínimo superior a 900€, o que tendo em conta o ordenado mínimo nacional, será impeditivo para a maioria dos utilizadores.

Assim, se tiver um iPhone 6S Plus, a mudança até se justifica, no entanto terá de pensar se o dinheiro é imperativo, pois o preço do equipamento é muito alto. Mas é certo que as diferenças do iPhone 7 Plus comparadas com o antecessor são importantes e valerão a pena.

Se tiver um iPhone 6 Plus, então a diferença ainda é mais justificada, já que os melhoramentos da câmara e um melhor processador, duas vezes superior segundo a Apple, valerá bem a pena.

iphone-7-e-7-plus

Há ainda a referir que em 2017, o iPhone celebra 10 anos e é provável que a Apple se foque neste aniversário para lançar alguma coisa realmente inovadora e única. Portanto, poderá valer a pena esperar mais um ano.

O iPhone 7 Plus custa 919€ (32GB), 1029€ (128GB) e 1139€ (256GB), sendo que Portugal será um dos primeiros países a ter o smartphone à venda já no próximo dia 16 de setembro.

Deixo-vos uma pequena apresentação em vídeo do youtuber Tiago Ramos, que é bastante explicativo sobre o novo iPhone 7 e 7 Plus:

Será que vale a pena comprar o iPhone 7 ou o iPhone 7 Plus? Deixe o seu comentário.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here