Tom Clancy’s The Division 2 — Washington D.C.: A rutura da América!

A poucos dias do lançamento de The Division 2 ao público, o segundo título da franquia Tom Clancy’s The Division promete oferecer, acima de tudo, mais qualidade, imersividade e um extraordinário ‘End-game’.

Mais Tecnologia teve a oportunidade e o previlégio de testar as versões disponíbilizadas tanto na Private Beta como a Open Beta, esta última que terminou no passado dia 5 de Março às 9.00 da manhã de Portugal Continental.

Para todos aqueles que não assistiram aos vídeos publicados acerca das primeiras impressões, da análise da Closed Beta ou até mesmo da livestream (roleplay) da Open Beta, os próximos artigos The Division 2 mostraram detalhes da História, Ambientação, Armas, entre outros.

Enquadramento histórico

The Division 2 contextualiza-se sete meses após os eventos ocorridos em Manhattan, do primeiro título. O longo e intenso inverno, com ruas cobertas de neve, em Nova York, bem como o tempo festivo ficam para trás.

Se em The Division, o tempo era propício à propagação da Gripe que devastou a cidade de Manhattan, na sequela, o sol e o calor de verão são intensos e fazem-se sentir, onde a natureza assume galopantemente a capital da América do Norte, Washington D.C.

A gripe que começou em uma nota de um dólar e que levou à rutura de Nova Iorque obrigou o governo a procurar alternativas. Os agentes especiais altamente treinados, The Division (SHD), são libertados em vagas quando todas as outras formas de proteção pública falham. Com a assinatura presidencial da Diretiva 51, a Division entra em ação e tem apenas um único objetivo — salvar o que resta da sociedade.

Contrariamente ao primeiro título, em que os civis não estando preparados para a pandemia, se confinavam aos seus lares e onde registavam maiores baixas, em The Division 2, os civis da cidade de Washington uniram-se em assentamentos, refúgios fortemente protegidos por segurança civil armada. A eminência de uma Guerra Civil faz-se sentir. Se a cidade a capital cair, os Estados Unidos da América caem com ela!

Ambientação

Segundo a Massive, o espaço de jogo recria exatamente a cidade Washington D.C. «É uma recriação 1:1 da capital […] dos Estados Unidos». Após o longo inverno, a natureza cobrou o seu preço, com as inundações face ao degelo da neve, grandes inundações fizeram com que as ruas da cidade, ficassem cobertas por mato pelas quais o jogador tem que passar.

Os bairros abertos e residenciais, com longos campos de visão contrastam com densas áreas comerciais, potenciando um ‘feeling’ de exploração do mapa muito maior, cativando o jogador durante a sua jornada.

O clima de tensão nos Estados Unidos, em particular de Washington resulta da luta constante pelo poder entre os Agentes da Strategic Homeland Division, The Division, e as facções inimigas.

‘Dark Zone’, ou Zonas Cegas, em português, são mais do que uma neste novo título. Estão disponíveis três ‘Dark Zones’ em The Division 2: ZC/DZ Leste, Sul e Oeste, e terá acesso a elas perto do início da campanha. Estas zonas de The Division 2 são áreas de PvE/PvP seja com facções inimigas provenientes de NPC’s ou jogadores revoltosos (como no título anterior).

Contextualização histórica

Com o fracasso do controlo da cidade pelos Agentes da Division em parceria com a JTF da cidade de Nova Iorque, alguns dos primeiros agentes tornaram-se inimigos juntando-se às fações inimigas. Em Washington, a capital norte-americana, o conflito entre fações oferece uma oportunidade para criar elementos dinâmicos de jogabilidade que transformam a cidade num mundo vivo e que respira.

Com os sucessivos fracassos, a Joint Task Force (JTF) composta essencialmente por polícias, bombeiros e civis voluntários começa a acusar a pressão e divide-se. Em The Division 2 é notório pois a presença da JTF é reduzida apenas ao perímetro da Casa Branca e de alguns postos principais. A maioria das suas funções foi agora assegurada por civis, o que torna tudo bastante interessante!

Para saber mais informações sobre a experiência da Closed e Open Beta, consulte os nossos artigos, nomeadamente:

O lançamento de Tom Clancy’s The Division previsto para 15 de Março de 2019, encontra-se disponível para PS4, Xbox One e PC. Aguardamos anciosamente o lançamento deste jogo, somos os únicos?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here