Tesla já confirmou que o novo Cybertruck não chegará ao mercado este ano

A Testa tem sido uma empresa disruptiva desde que foi lançada, já sem falar de Elon Musk e das várias empresas que ele tem lançado no mercado, com inovações bastante interessantes. Voltando à Tesla, não há grandes dúvidas que a empresa revolucionou o mercado dos automóveis, colocando os elétricos na mira dos consumidores e, mesmo atualmente, só este ano é que começamos a ver automóveis verdadeiramente concorrentes da Tesla.

Mas a Tesla não tem apostado apenas em automóveis ligeiros e se já tem anunciados algumas novidades, como o camião elétrico, mas sem dúvida que o Cybertruck, anunciado em 2019 é o que tem colocado maior interesse, já que nos EUA em particular há uma grande procura de pickups, sendo este o foco do novo carro elétrico. E se Elon Musk já tinha afirmado que o Cybertruck poderia não ser o sucesso que ele espera, já há novas notícias que não agradam aos futuros clientes.

Segundo o site Electrek refere, a Tesla silenciosamente adiou o lançamento da pickup elétrica para o próximo ano em sua página de configuração, dizendo que só poderá personalizará o carro quando “a produção se aproximar em 2022.” Isso se aplica independentemente do modelo – a Tesla já havia avisado que as versões com um único motor chegariam mais tarde, mas isso agora se aplica às máquinas com dois e três motores.

blank

A Tesla já havia sugerido que a meta de 2021 podia não ser realista. Elon Musk disse em janeiro que haveria apenas “algumas entregas” de Cybertrucks em 2021, e que a produção em volume estava programada para 2022. Embora a empresa tenha mantido essa afirmação no seu relatório trimestral de julho, a empresa só recentemente concluiu o projeto de engenharia para o EV – levaria apenas alguns meses para terminar o desenvolvimento e despachar as pickups iniciais.

Isso poderia representar um desafio competitivo para a Tesla. O Hummer EV da GMC está agora pronto para vencer o Cybertruck no mercado, impedindo os atrasos. Mesmo com contratempos, Rivian ainda deve lançar seu R1T em setembro, a Canoo também já anunciou. E embora o F-150 Lightning da Ford não seja lançado até a primavera de 2022, o Cybertruck pode ter perdido a sua “vantagem” de ser o pioneiro de pickups elétricas, o que foi muito importante no mercado de automóveis ligeiros e SUVs.

O atraso não seria surpreendente, no entanto. O corpo de aço do Cybertruck requer técnicas de fabricação exclusivas, e isso não inclui obstáculos técnicos mais amplos, como o sistema tri-motor. A Tesla também é conhecida por cronogramas otimistas que se chocam com a realidade da produção. A fabricante pode pelo menos contar com a grande procura, no entanto. Com mais de 1 milhão de reservas de Cybertruck, a Tesla tem muita procura, mesmo que muitos desistam na altura de finalizar o pedido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here