Tarifário NOS Like foi denunciado por publicidade enganosa

A denúncia partiu da Deco e foi comunicada à ANACOM. Afinal o tarifário NOS Like não é tão bom como se anuncia.

A Deco referiu que “O tarifário Like da NOS apresenta problemas que levaram à nossa denúncia de publicidade enganosa junto da Anacom. É o caso da comunicação do preço, já que ambos passam a ideia de custo mensal inferior à realidade, e da promessa de apps gratuitas, que estão, não só limitadas pela política de utilização responsável, mas também barradas assim que o plafond geral é atingido. Estes tarifários pecam por desrespeitar a neutralidade de rede, porque continuam a tratar tráfego de determinadas apps de forma diferente.”

A Deco pretende também que outros tarifários do mesmo género sejam alvo de avaliação.

Mas voltemos ao NOS Like. Na verdade é mais caro do que aparenta ser. Este tarifário tem 3 opções diferentes: 1 GB com 500 min/ sms por 16 euros, 3 GB com 1000 min/ sms por 19 euros e 5 GB com 1500 min/ sms por 22 euros. Em nenhuma das opções e segundo a Deco é dado a conhecer se o custo é por semana ou por mês, ou até por outro tempo. Nem nas notas de rodapé há esta informação.

Há ainda extras para conjuntos de apps: mais 2 euros por redes sociais, mais 4 euros por apps de vídeo e mais 2 euros por música. Em música inclui-se o Spotify e Apple Music, nas apps das redes sociais inclui-se o instagram, o Facebook, entre outras redes e nas apps de vídeo estão o HBO, Netflix e Youtube, entre outras.

A Deco fez as contas e corrige que um ano tem 52 semanas e não 48 (o anúncio refere 4 semanas x 12 meses) e, por exemplo, o tarifário de 1 GB com as apps de música, redes sociais e vídeo custará 26 euros por mês. Quanto ao custo base para este tarifário, o valor é de 17,33 euros, valor superior ao anunciado pela NOS.

Fonte: Deco

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here