SoundCloud recebe apoio de 170 milhões de dólares

O famoso portal de música online SoundCloud tem estado a atravessar uma das piores fases da sua existência. Com cada vez menos receitas, cerca de 100 milhões de dólares no ano passado, e mais despesas a empresa já se viu obrigada a demitir 173 pessoas no mês passado, o que equivale a 40% dos funcionários, numa tentativa de redução de custo. O ano passado já tinha recebido 230 milhões de dólares em investimento para não deixar a empresa ir a baixo.

Na semana passada a empresa terá enviado uma carta aos seus accionistas para até sexta-feira (11 de agosto) aceitarem ou rejeitarem a proposta de investimento de 169.5 milhões de dólares. Caso a SoundCloud não consiga este investimento, segundo Alex Ljung menciona, não haverá mais condições da empresa continuar a funcionar. Por outro lado, ao ser aceite, Alex Ljung abandona o cargo para  Kerry Trainor, CEO da gigantesca Vimeo entre 2012 e 2016. Com este pedido de financiamento a empresa fica avaliada em 150 milhões de dólares, uma queda para os anteriores 700 milhões de 2014.

Recorde-se que a SoundCloud tem vindo a perder utilizadores para outras plataformas idênticas, como por exemplo o Spotify.

Fonte:TechCrunch

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui