“Soldado de Allah” escapa a acusações devido a definições de privacidade do Facebook

Some of Leroy McCarthy’s Facebook posts

Leroy McCarthy, um jovem de 22 anos terá enfrentado acusações graves quando decidiu ameaçar explodir um hospital na sua conta de Facebook. O jovem também terá descrito o soldado Lee Rigby como um “branco cobarde que invade países e viola pessoas”, e ameaçando sair do Reino Unido para se juntar aos seus e à causa que estes defendem.

O convertido muçulmano teria no entanto as definições da sua conta de Facebook como “privadas” escapando-se à acusação de actos terroristas. Assim sendo, apenas enfrenta 18 semanas de prisão.

O sucedido leva a que as leis sejam repensadas já que o jovem claramente incitou actos de terrorismo e devia ser julgado como tal. Para além disso publicou várias mensagens ofensivas, racistas e anti-semitas na sua página pessoal.

Fonte: Telegraph

Veja também...

Deixe o seu comentário