Skype retirado da AppStore chinesa

O Governo da China ordenou a retirada de um conjunto de aplicações da App Store do País por considerar que existe recorrem ao protocolo “voice over Internet”, norma que viola a legislação em vigor naquele país asiático.

A informação é confirmada pela própria Apple que revela que entre as aplicações visadas pela medida está o Skype, aplicação propriedade da Microsoft que permite conversações em áudio, vídeo e troca de mensagens instantâneas. O desaparecimento destas aplicações está a gerar uma onda de críticas no País que em alguns casos se viram privados do uso de um serviço pelo qual já terão realizados pagamentos.

O New York Post revela na sua edição electrónica que a medida é estranha apenas por ser tardia, atendendo a que as autoridades chinesas já haviam bloqueado o acesso a serviços do Google, Facebook, Twitter ou Alphabet. Aquela fonte recorda que a China tem uma legislação específica para a Internet pois o Estado chinês reconhece a importância do controle desta forma para controlar a opinião pública.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here