Scania testa camião alimentado a energia solar

Quem conhece o mundo dos transportes pesados de mercadorias irá certamente admitir que a Scania é uma grande potência neste setor e que os seus camiões são dos mais competitivos no mercado.

É verdade que a marca escandinava já deu entrada no mercado aos seus veículos elétricos; sendo esta gama composta por um camião completamente elétrico, um camião híbrido plug-in e ainda um autocarro elétrico. Mas o novo projeto da empresa consiste em alimentar um dos seus camiões elétricos através de energia solar, e não estamos a falar de alimentar o camião híbrido ou de alimentação parcial mas sim de um camião elétrico movido totalmente a energia solar.

Já existem veículos com painéis solares instalados como é o caso das autocaravanas e barcos, mas estas instalações servem apenas para alimentar periféricos extra a bordo através das tomadas instaladas nos veículos. O mais próximo de conseguir o objetivo da Scania foi a Hyundai com o seu Sonata Hybrid, mas o painel deste não servia para aumentar a autonomia do carro visto que tinha uma pequena superfície de contacto.

O plano da Scania para contrariar o problema da superfície de contacto será instalar painéis no topo e nos lados de um reboque. Alguns poderão argumentar que a instalação de painéis solares é uma grande despesa e que ao fazê-lo num camião poderá ser ainda mais dispendioso, mas quando um único camião atual pode chegar a consumir cerca de 70000€ de diesel por ano então os painéis fotovoltaicos poderão vir a ser uma alternativa mais rentável a longo prazo.

O atrelado designado terá 140 metros cúbicos cobertos pelos painéis. Como teste complementar a Scania irá ligar o atrelado à rede elétrica quando não estiver a ser usado e estimativas apontam para que um atrelado renda cerca de 14000 kWh no espaço de um ano.

O teste será feito em cooperação com a Ernst Express, empresa de mercadorias que já tinha colaborado com a Scania durante o seu projeto de camião elétrico, que irá operar este protótipo durante várias entregas para concluir se poderá ser uma opção rentável. O governo sueco também irá cooperar neste projeto visto que o atrelado ficará parado durante os fins-de-semana para o teste de alimentação da rede elétrica.

Fonte: Scania

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here