Samsung vai produzir chips dedicados à mineração de moedas digitais

“Se não os podes derrotar, junta-te a eles”. Esta é a máxima que está a ser seguida pelos responsáveis da Samsung que acabam de anunciar o desenvolvimento de chips dedicados especificamente à mineração de criptomoedas.

Considerando que este é um fenómeno que, por mais altos e baixos que possa conhecer, estará para ficar, as empresas já percebera que o melhor que terão de fazer é caminhar rumo à adaptação destes novos tempos. Nesse sentido, a Samsung revela que está a desenvolver circuitos integrados específico para o “cultivo” de moedas como a Bitcoin.

Segundo o portal TechCrunch, há já fábricas do grupo dedicadas a estas soluções. Para aquela fonte, este é um caminho natural considerando que a Samsung já produz chips de memória de alta capacidade para placas de vídeo, que também são usadas para mineração.

A empresa, portanto, já tem o know-how necessário para produzir os ASICs, os circuitos integrados dedicados a uma operação específica. Trata-se de um mercado bastante promissor, pois o súbito crescimento do preço da bitcoin em 2017 atraiu muitas pessoas a equipamentos de mineração de criptomoedas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here