Robô explorador para minas submersas desenhado em Portugal

18 de Fevereiro de 2019
12 Partilhas 152 Visualizações

Um robô para ajudar a explorar minas submersas, foi concebido por uma equipa de cientistas de vários países, incluindo Portugal.

Este robô, construído no âmbito do projeto Europeu Unexmin, foi concebido para ajudar a identificar minas que ficaram submersas e que são de difícil alcance para os humanos.

O projeto Europeu Unexmin, usa como terreno de testes uma mina na Finlândia, que foi inundada e posteriormente encerrada. Um bom local para realizarem os mais variados testes necessários ao desenvolvimento do projeto.

Este projeto com a criação do robô foi idealizado e concebido para sondar as milhares minas que estão submersas. Algumas das que estão submersas encerraram por não terem qualquer tipo de mineral, mas há ainda muitas minas que ainda poderão conter minerais, mas que estão completamente inacessíveis para se poder confirmar.

O robô foi contruído com a ajuda de vários investigadores, para ser capaz de descer a uma profundidade de 500 metros, tendo apenas sessenta centímetros de diâmetro. Este robô é capaz de permanecer mais tempo debaixo de água e a uma maior profundidade do que os humanos, tendo a capacidade de sobreviver cinco horas, necessitando apenas de eletricidade para se manter sob pressão debaixo de água.Ainda em testes, os investigadores têm como objetivo, a autonomia total do robô para operar num ambiente natural sem necessidade de ajuda humana debaixo de água.

É com orgulho que a equipa de investigadores Portugueses fala deste projeto porque foi desenhado em Portugal, no Porto, no Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESCTEC). O robô tem tecnologia sonar, câmaras, sensores e radares a laser que o permitem perceber o meio que o rodeia.

Um dos principais aspetos e dos mais importantes na construção deste robô, segundo a equipa de investigadores Portugueses, foi a miniaturização.

“Nós temos um computador de alta performance que tem uma dimensão que até há uns anos atrás teria sido impossível de obter. Os sistemas laser foram desenvolvidos no INESCTEC. Fomos nós que desenvolvemos todo o sistema de raiz e um dos critérios importantes foi atender à miniaturização”, dito por Alfredo Martins, investigador Português que tem como especialidade, robótica, no Instituto de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESCTEC).

Este robô poderá ter mais uso em outras áreas importantes, tal como em operações de socorro, que terá muita importância, e já fez falta em alguns desastres, em que pessoas ficaram aprisionadas em minas, e que a dificuldade para um humano no seu acesso foi muito difícil ou impossível, para verificar a existência de possíveis sobreviventes.

Terá também muita importância em missões de avaliação de riscos ambientais na qual não se poderá arriscar a vida de mergulhadores humanos.

Grande invenção com mão Portuguesa!

Fonte: UNEXMIN

Artigos interessantes

Huawei Mate X é o primeiro a ter certificado CE 5G Europeu
Huawei
Huawei

Huawei Mate X é o primeiro a ter certificado CE 5G Europeu

Bruno Peralta - 20 de Março de 2019

O Huawei Mate X recebe o primeiro certificado CE 5G do mundo concedido pela TÜV Rheinland, líder global em serviços…

Samsung Galaxy M20 já está à venda em Portugal
Samsung
29 Visualizações
Samsung
29 Visualizações

Samsung Galaxy M20 já está à venda em Portugal

Bruno Peralta - 20 de Março de 2019

A Samsung anuncia que há um novo modelo que chega a Portugal, o Galaxy M20, que foi anunciado em janeiro,…

A ZTE e a sua original câmara de selfies
Tecnologia
34 Visualizações
Tecnologia
34 Visualizações

A ZTE e a sua original câmara de selfies

Sandra Pacheco - 20 de Março de 2019

Numa altura em que de um dia para o outro surgem novidades a respeito de tecnologias, os fabricantes de grandes…

Comente

O seu email não será publico