Resultados da Microsoft chegam em alta no trimestre de 2019

E aprece que os resultados da Microsoft para o trimestre de 2019 tiveram algumas boas surpresas para a empresa desta vez. O que não é muita novidade, afinal, com as táticas que ela vem aplicando sobre os seus usuários, isso não seria para menos.

Enfim, estes resultados revelaram que a empresa ganhou um forte desempenho principalmente da família de dispositivos Surface juntamente com o sucesso no plano de colocar um foco maior em serviços baseados em nuvem.

Microsoft Surface Hub 2

Chegando a marca de vendas de US $ 1,329 bilhão, as vendas com a Surface registraram um aumento quase insano ano-a-ano de 21% no terceiro trimestre. Isso mesmo, não são 5, 10 ou 15 e sim 21% de crescimento em um ano.

Além disso, este é também o sétimo trimestre no qual as vendas de hardware quebraram a marca de um bilhão de dólares. Acho que os caras lá de cima da empresa devem estar rindo a toa com esses números e resultados.

O Surface

Antes de darmos glória sem entender o contexto, temos que lembrar que houve alguns eventos que foram decisivos para isso acontecer. É importante lembrar que, mesmo que não haja divisão de vendas no dispositivo, o terceiro trimestre foi o período de lançamento do Surface Pro 6 e do Surface Laptop 2.

Esses dois dispositivos tiveram melhorias nos modelos anteriores, mantendo o ritmo esperado das especificações de hardware, mas sem adições tecnológicas significativas nas escolhas feitas.

Assim como o Pro 6 e Laptop 2, o final de 2018 viu o lançamento do Surface Go e do Surface Studio 2. O Surface Hub 2S está a caminho, então a maior parte da gama Surface parece definida para 2019.

O único dispositivo que pode ganhar um novo modelo este ano(em oposição a algumas especificações) é o Surface Book, que viu um segundo modelo lançado no final de 2017. Mas o que não irá ter tanta influência.

Dito isso, a Microsoft teve um aumento de 14% geral em relação ao ano anterior nesse período. E a receita de serviços de nuvem mostrando um aumento de 41% em relação ao ano anterior.

Com isso podemos ver o quão bem sucedido está sendo o plano da empresa em focar em software e serviços de nuvem, apoiados por vendas de hardware. Vamos ver se a gigante vai mudar suas táticas ou vai continuar enquanto está ganhando.

fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here