Quer visitar a Google? Só com teste negativo à COVID 19

O Google está a exigir a qualquer pessoa que vá a um dos seus escritórios ou instalações nos EUA um teste negativo à COVID-19, informou a empresa aos funcionários na quinta-feira num memorando interno. Os trabalhadores que vão ao escritório regularmente irão ser testados semanalmente, disse a diretora de saúde Karen DeSalvo nesse mesmo memorando, e os funcionários foram solicitados a relatar o seu estado de vacinação e usar máscaras cirúrgicas em ambientes fechados.

A porta-voz do Google, Lora Lee Erickson, confirmou que uma nova política temporária de COVID-19 está a ser implementada, “espera-se que qualquer pessoa que visite as nossas instalações obtenha um teste negativo recente à COVID-19 antes de entrar no local” e que a empresa está a oferecer vários tipos de testes sem qualquer tipo de custo.

O Google oferece testes gratuitos para funcionários em período integral e contratados atraves de testes de swab nasal baseados em PCR da BioIQ, disse Erickson, mas a Bloomberg informou esta semana que funcionários em período integral também têm acesso a testes moleculares da Cue Health que podem fornecer resultados em apenas alguns minutos.

blank

Estas mesmas mudanças chegam à medida que os casos de COVID-19 aumentaram em todo o país e à medida que a variante omicron se espalha. Essas novas políticas somam-se à diretiva do Google de dezembro, exigindo que os seus funcionários sejam vacinados ou correm o risco de serem forçados a tirar licença e, eventualmente, serem demitidos. A empresa atrasou o seu retorno obrigatório ao escritório deste o ano passado em agosto.

Esta semana, a empresa Meta também aumentou as suas políticas de saúde para os seus funcionários, exigindo também que qualquer pessoa que retorne aos seus escritórios quando abrir no final de março tem que ter recebido uma dose de reforço no combate à covid 19.

Fonte: Cnbc

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here