Qualcomm ainda pode vir a ser adquirida pela Broadcom

A gigante estaduniense Broadcom ofereceu uns estrondosos 103 mil milhões de dólares (aproximadamente 89 mil milhões de euros) pela Qualcomm. Numa primeira vista o valor pode parecer bastante apetecível mas a Qualcomm viu esta oferta quase como uma ofensa para a empresa, dizendo mesmo que esta oferta “substima drasticamente” o valor da mesma. Segundo os últimos relatórios conhecidos os especialistas avaliam estas duas empresas em 112 e 91 mil milhões de dólares respectivamente.

Do comunicado que resultou de um fim de semana em que o conselho administrativo da Qualcomm esteve reunido saiu também o argumento de que esta é a empresa que atualmente está mais bem posicionada no mercado da mobilidade, Internet das coisas, domótica e semicondutores de redes. Parece que a queda de 90% do lucro da empresa no último trimestre resultante de um processo instaurado pela Apple não assustou os accionistas.

Apesar desta decisão, a eleição dos novos membros do conselho de administração da empresa deverá acontecer dia 8 do próximo mês. Segundo várias fontes próximas à Broadcom é muito provável que os novos membros sejam a favor da aquisição da empresa, o que ao confirmar-se levaria a uma nova oferta e posterior aquisição.

Veja também...

Deixe o seu comentário