Pixel Slate. A Google volta a apostar em tablets topo de gama

Entre os produtos anunciados pela Google, encontra-se o retorno às tablets Pixel. A Pixel Slate é um tablet de topo de gama, com integração facilitada a teclado, que pretende ser rival do iPad Pro e do Surface Pro.

Conheça, também os outros produtos apresentados pela Google:

O hardware deste tablet é nitidamente topo de gama, com processador da 8th Gen da Intel combinados com 16GB de RAM e 256GB de armazenamento.

Uma aposta forte da Google

As características deste tablet são impressionantes. Conta com colunas stereo, com uma câmera frontal e outra traseira (ambas de 8 megapíxeis). O ecrã é de 12.3 polegadas. A Google garante mais qualidade e eficiência do que nos tradicionais ecrãs LCD.

Inclui um sensor para impressões digitais, o que é a primeira vez que ocorre num Chromebook. Como já foi referido, poderá contar até com 16GB de RAM, e com Core i7 da nova geração da Intel. O armazenamento pode ir até 256GB.

O Pixel Slate Keyboard

O tablet será vendido por si próprio. Porém, a ideia é ser “emparelhado” com o Pixel Slate Keyboard, o teclado da Google. O tablet também terá a sua própria caneta, a Pixelbook Pen. Estes produtos serão vendidos à parte do tablet.

A segunda tentativa para a Google

Esta é a segunda tentativa de infiltrar a marca Pixel no mundo dos tablets. A última tentativa foi o Pixel C, cujo design e ideias não eram muito diferentes do Pixel Slate. O problema do Pixel C era o facto de correr o sistema Android, que nunca se destacou no mundo dos tablets. O Slate vai correr o Chrome OS, que também suporta as aplicações Android.

Preços e lançamento

O Pixel Slate será lançado ainda este ano. Existirão várias versões do tablet, a começar na fasquia dos 600 euros, e a correr até aos 1600 euros. Ainda não sabemos as diferentes variações e as suas características concretas.

Fonte: The Guardian

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here