Piloto automático da Tesla provoca mais uma vitima mortal

Um motociclista em Draper, Utah, foi morto na manhã do passado domingo quando um motorista da Tesla ao usar o piloto automático bateu na traseira da sua moto. É o mais recente acidente a envolver o avançado sistema de assistência ao motorista da Tesla para atrair uma nova votação aos investigadores federais da National Highway Traffic Safety Administration (NHTSA).

O incidente ocorreu logo após a 1h de domingo na Interstate 15 no sentido sul, de acordo com os relatórios locais. O motociclista, que não foi identificado, estava a viajar para o sul perto das linhas de Salt Lake e Utah County quando o Tesla se aproximou por trás. O Departamento de Segurança Pública de Utah disse que o motorista da Tesla colidiu com a traseira da moto, projetando assim o motociclista ao chão e matando-o instantaneamente.

O motorista da Tesla, que permaneceu no local, informou às autoridades locais que não conseguiu ver o motociclista. O motorista estava a usar o piloto automático no momento do acidente, segundo as autoridades.

O acidente de Utah é o mais recente a ser adicionado à lista de Investigações Especiais de Acidentes (SCI) da NHTSA, na qual a agencia recolhe dados para além do que as autoridades locais e as companhias de seguros normalmente recolhem no local. A agência também examina acidentes que envolvam sistemas avançados de assistência aos motoristas, como o piloto automático da Tesla, e sistemas de direção automatizada.

A 26 de julho, havia 48 acidentes na lista SCI da agência, 39 dos quais a envolver os veículos da Tesla. Dezanove pessoas, incluindo motoristas, passageiros, pedestres, outros motoristas e motociclistas, morreram nesses acidentes da Tesla.

De 20 de julho de 2021 a 21 de maio de 2022, houve 273 acidentes a envolver veículos da Tesla que usavam o piloto automático, segundo a NHTSA. Os acidentes da empresa de EV representam a maior parte da lista num total de 392 acidentes relatados durante esse período.

É verdade que centenas de acidentes de carro ocorrem todos os dias, muitos deles como sabemos fatais mas a NHTSA estima que 42.915 pessoas morreram em acidentes de trânsito em 2021, um aumento de 10,5% em relação às 38.824 mortes em 2020.

Quando uma determinada tecnologia é envolvida num incidente fatal neste caso em concreto, o piloto automático, esta merece ser examinada de perto para determinar quais as decisões que foram tomadas que levaram a essa falha específica.

Fonte: Scribd

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui