OnePlus 6T é oficial e quer fazer tremer os concorrentes nos EUA

29 de Outubro de 2018
1 Partilhas 286 Visualizações

A OnePlus é uma fabricante chinesa bem conhecida já que tem-se destacado por lançar smartphones de grande qualidade a baixo preço, com uma distribuição a nível mundial, como sempre fez desde o início. Aliás, a primeira campanha de marketing o OnePlus One deu-lhe visibilidade mundial.

A fabricante já vai na versão 6T, que até nem costuma ser um grande game changer, mas este modelo acaba por ser muito importante para a marca, já que é o primeiro smartphone da OnePlus a ficar disponível no mercado norte-americano através das operadoras, isto é, a T.Mobile vai vender o smartphone e é um passo importante para a marca chinesa.

A Huawei teve muitas dificuldades e não conseguiu entrar no mercado das operadoras nos EUA, o mercado que domina a venda de smartphones nos EUA, apesar de ter chegado a ter um negócio confirmado com uma operadora, foi vetada pelo governo norte-americano devido ao medo de espionagem que o governo chinês poderia fazer através desta empresa, apesar de a mesma sempre negar essas acusações. No entanto, a própria Huawei acabou por desistir de tentar entrar no mercado norte-americano, mas isso não afugentou a OnePlus.

A OnePlus conseguiu entrar no mercado norte-americano e o novo OnePlus 6T será vendido, por agora, em exclusivo através da T-Mobile, o que é um grande passo para a empresa e essencial para que qualquer marca possa singrar no mercado dos EUA, já que grande parte das vendas de smartphones nos EUA estão ligados à operadoras.

O preço do smartphone é de 580 dólares, sendo que através de certos pacotes de operador o smartphone poderá sair apenas por 300 dólares, o que é um excelente preço por este equipamento. O preço na Europa é de 549€ pela versão de 6/128GB, 579€ por 8/128GB e 629€ por 8/256GB.

Especificações do OnePlus 6T

O OnePlus 6T conta com um ecrã AMOLED de 6,4 polegadas com resolução de 2280 x 1080p. Destaca-se por o “notch” ser apenas para a câmara, o que aumenta o tamanho do ecrã na área frontal, aliado a um design que a OnePlus fez de bem, ao reduzir o tamanho das molduras e aumentar a ocupação do ecrã na área frontal. Muito bem conseguido. A câmara tem 16MP com abertura f/2.0.

Na parte traseira, o design é igual, sendo que até as câmaras mantêm-se as mesmas, mas é no software que há muitas melhorais nesta área, com o grande destaque para a captação de fotos noturnas. As câmaras traseiras são de 16MP com estabelizador de imagem OIS e abertura f/1.7, sendo que a secundária é de 20MP com abertura de f/1.7 que permite produzir um telephoto 2x.

O processamento está entregue ao topo de gama da Qualcomm, o Snapdragon 845 com a ajuda de 6GB ou 8GB de RAM, o que garante um desempenho de alto nível deste smartphone.

A OnePlus também estreou o Game Mode, um modo para gaming que permite usufruir do máximo das capacidades do equipamento quando está a jogar no smartphone, aliado à mais recente versão do Android 9.0 Pie e que já permite utilizar o sistema operativo móvel através de gestos.

O grande destaque é o sensor de impressões digitais integrado no ecrã, como conhecemos inicialmente através da Vivo e da Oppo e que, mais recentemente a Huawei colocou disponível a um nível global com o novo Huawei Mate 20 Pro. Claramente uma tendência que irá acontecer nos equipamentos topo de gama.

A bateria é de 3700 mAh, sendo que o equipamento conta com o Dash Charge, um carregamento rápido da fabricante de 20W.

Artigos interessantes

Windows 10 sofre com ameaças de Bugs
Microsoft
15 Visualizações
Microsoft
15 Visualizações

Windows 10 sofre com ameaças de Bugs

José Nilson - 19 de Março de 2019

Como já sabemos, o Windows 10 é agora o sistema operacional mais popular do mundo. Pelo menos agora que ele…

Cuidado: Google Docs pode ser usado para praticar Bullying
Aplicações
22 Visualizações
Aplicações
22 Visualizações

Cuidado: Google Docs pode ser usado para praticar Bullying

José Nilson - 19 de Março de 2019

Quando pensamos em Bullying, pensamos logo em ameaças e intimidações verbais. Mas nem sempre é isso que acontece. Muitas vezes…

Redmi, a nova submarca da Xiaomi, não quer ser apenas de smartphones baratos
Telemóveis
23 Visualizações
Telemóveis
23 Visualizações

Redmi, a nova submarca da Xiaomi, não quer ser apenas de smartphones baratos

Bruno Peralta - 19 de Março de 2019

Nos próximos anos, os smartphones da Redmi vão melhorar em termos de qualidade e os preços dos seus produtos também…

Comente

O seu email não será publico