Olympus admite que encobriu perdas

O fabricante japonês admitiu que poderão ter sido encobertas perdas desde a 1990 e demitiu o vice-presidente executivo, Hisashi Mori, por envolvimento na situação.

Esta revelação foi feita pela própria Olympus, através de comunicado citado pela agência noticiosa japonesa Kyodo. Esta situação foi revelada num relatatório de uma comissão independente que a própria empresa designou para a investigação de possíveis pagamentos irregulares entre 2006 e 2008, em aquisições de empresas.

Entre as aquisições que causaram esta situação, está a compra da Gyrus Group em 2008, e outras empresas japonesas. No caso da Gyrus Groups, a Olympus pagou quase 500 milhões de euros em comissões a uma consultora, quase 33% do valor da aquisição, quando os valores normais são de 1% a 3%.

Esta investigação aconteceu após a destituição de Michael Woodford como presidente da empresa. Woodford denunciou que a sua destituição aconteceu devido a questões sobre as alegadas irregularidades que tinha havido nas aquisições. A Olympus mandou investigar e foi descoberta esta situação.

A Olympus perdeu, hoje, 29% da cotação em bolsa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here