O macOs passou a suportar oficialmente GPU’s externas

1 de Abril de 2018
8 Partilhas 151 Visualizações

A Apple adicionou o muito aguardado suporte para GPU’s externas ao sistema operativo macOS. A intenção da empresa de adicionar o suporte tinha sido anunciada em Junho do ano passado, e em menos do que um ano a intenção passou a ser realidade.

Com a última actualização ao macOS High Sierra, será possível conectar diversas placas gráficas externas ao Mac através de ligação Thunderbolt 3. A utilização destes dispositivos externos permitirá adicionar poder de processamento para diversos processos que “puxam” pela máquina. Aumentará a qualidade gráfica e o desempenho dos videojogos, permitirá mais velocidade na edição de vídeo, colocará mais poder à disposição da mineração de criptomoedas e melhorará a experiência de realidade virtual, entre outras possíveis utilizações.

Esta inclusão de suporte a GPU’s externas era um pedido dos utilizadores de Mac há já bastante tempo. Porém, este novo suporte inclui diversas limitações em relação ao que pode ser feito que poderão ser incomodativas para muitos utilizadores. Em primeiro lugar, apenas um pequeno grupo de modelos serão oficialmente suportados pela Apple. Mais concretamente, apenas alguns modelos AMD Radeon estarão a lista oficial da empresa para utilização na sua plataforma. Isto não significa necessariamente que outras GPU’s externas, como as GeForce, não funcionarão. Existem formas não-oficiais de colocar outros produtos sem suporte a fornecer poder de processamento ao Mac – porém, a inexistência de suporte oficial significa que este tipo de utilização representará sempre um risco que muitos utilizadores preferem simplesmente evitar.

Outra limitação é esta inclusão servir apenas modelos Mac recentes. As ligações Thunderbolt 3 apenas são encontradas num número restrito de produtos Mac, entre os quais, as versões 2016 e 2017 do MacBook Pro, a versão 2017 do iMac e o novo iMac Pro. Tendo em conta a popularidade do Thunderbolt 3, é de esperar que os novos produtos da Mac passem a incluir sempre esta possibilidade, e portanto esta actualização ao macOS acaba por ser mais direccionada ao futuro do que ao passado. Finalmente, uma outra limitação é o facto de nem todas as aplicações poderem neste sistema operativo poderem retirar poder de processamento de GPU’s externas: é necessário que os produtores tenham permitido que tal aconteça.

Apesar das limitações, esta nova compatibilidade será importante para quem tenha Mac’s recentes ou esteja a ponderar adquirir os produtos que Mac colocar no mercado futuramente. O mercado das GPU’s externas tem aumentado imenso ao longo do último ano. Apesar de o seu uso mais popular ocorrer no contexto das comunidades de gaming, que são reduzidas no mundo da Mac, a verdade é que o seu potencial de utilização é mais vasto e pode agora ser aproveitado por aqueles que optaram pela marca da maçã.

Artigos interessantes

Huawei P smart + 2019 já está à venda em Portugal
Destaques
3 Partilhas33 Visualizações
Destaques
3 Partilhas33 Visualizações

Huawei P smart + 2019 já está à venda em Portugal

Bruno Peralta - 22 de Março de 2019

A Huawei lança o Huawei P smart + 2019 no mercado português, uma versão atualizada do muito recente P Smart…

Primeiro Doodle com Inteligência Artificial (IA)
Google
6 Partilhas50 Visualizações
Google
6 Partilhas50 Visualizações

Primeiro Doodle com Inteligência Artificial (IA)

Sandra Pacheco - 22 de Março de 2019

Hoje, dia 21 de Março celebra-se a vida e obra de Johann Sebastian Bach mas também um grande passo para…

RAZER anuncia colaboração em jogos móveis com Tencent
Gaming
2 Partilhas28 Visualizações
Gaming
2 Partilhas28 Visualizações

RAZER anuncia colaboração em jogos móveis com Tencent

Bruno Peralta - 22 de Março de 2019

A Razer anunciou hoje a colaboração com a Tencent Holdings Limited (“Tencent”), um fornecedor líder de serviços de Internet de…

Comente

O seu email não será publico