O homem mais rico do Reino Unido investiu num carro elétrico que foi cancelado

Red Magic 6S

O homem mais rico do Reino Unido gastou 940 milhões de dólares (Cerca de 1 Bilião €) do seu próprio dinheiro para construir este EV para rivalizar com Tesla. James Dyson havia já anunciado planos no ano passado para investir 200 milhões de libras (Cerca de 225 milhões de Euros ) numa instalação de testes num antigo aeródromo da Segunda Guerra Mundial em Hullavington, perto das instalações da empresa em Malmesbury, Wiltshire.

O homem mais rico do Reino Unido gastou 940 milhões de dólares do seu próprio dinheiro para construir este EV para rivalizar com tesla, que possui uma autonomia de 600 milhas numa única carga é muito melhor do que tesla Model S e Model X por uma margem bastante grande.

Mas Dyson enfrentou críticas por ter decidido construir uma fábrica para produzir um veículo “radicalmente diferente” em Singapura, depois de ter mudado a sede da empresa para lá.

“Desde o primeiro dia que corremos riscos e ousamos desafiar o status quo com novos produtos e tecnologias”, disse. “Tal abordagem impulsiona o progresso, mas nunca foi uma viagem fácil – o caminho para o sucesso nunca é linear. “Este não é o primeiro projeto que mudou de direção e não será o último.” O Prof. David Bailey, da Birmingham Business School, disse: “Nunca se afirmou como uma proposta comercial, parecia mais um projeto de vaidade da sua parte. “

A Tesla investiu milhares de milhões e não teve lucro – ou mal é agora rentável. A Volkswagen e a Ford estão a ter de colaborar na investigação e desenvolvimento, tal como a Jaguar Land Rover e a BMW. Vai precisar de uma grande escala para recuperar o custo da I&D.” James Dyson, o homem mais rico do Reino Unido, com uma fortuna estimada em 16,2 mil milhões de libras (cerca de 18 mil milhões Euros), decidiu gastar 500 milhões de libras (cerca de 563 milhões de Euros) do seu próprio dinheiro para produzir um carro elétrico que diz poder rivalizar com Tesla.

A notícia surge sete meses depois de o bilionário ter decidido que o projeto resultasse neste carro elétrico. A empresa da Dyson decidiu revelar o carro elétrico, nome de código N526, durante uma entrevista de James Dyson para a liderança da lista do Sunday Times das pessoas mais ricas. O carro de Dyson foi inicialmente planeado como um SUV elétrico que visava desafiar os veículos elétricos da Tesla.

Durante uma entrevista, Dyson revelou que teve que financiar cerca de 500 milhões de libras (cerca de 563 milhões de Euros) do seu próprio bolso para obter o projeto realizado. Dyson afirmou que o SUV elétrico de sete lugares terá uma autonomia de 965 kms. Os números são impressionantes uma vez comparados com os que os modelos da Tesla têm.

Um Tesla Model S pode percorrer 610 kms e o Model X pode atingir os 505 kms (314 milhas) com uma única carga. Durante a entrevista, Dyson disse ainda que o SUV elétrico, feito a partir de alumínio pesava cerca de 2,6 toneladas, tem uma velocidade máxima de 201 km/h, e pode ir de zero a 100 km/h em apenas 4,8 segundos. Tem um motor elétrico gémeo de 200kW que pode produzir 536 cv de potência e 480 lb de binário.

Dyson passou a descrever o design do SUV elétrico como algo não visto no mercado. O SUV desportivo, medindo cinco metros de comprimento, dois metros de largura e 1,7 metros de altura, apresenta um para-brisas que “recua mais do que num Ferrari”, e rodas que “são maiores do que em qualquer carro de produção no mercado.” Dyson revelou que a razão por detrás da desmantelamento do projeto foi o imenso custo para construí-lo e a falta de rentabilidade.

Disse que gastou mais de 500 milhões de libras do seu próprio dinheiro para financiar o projeto. Ele também disse que para obter lucro precisava de vender cada um destes SUV elétricos por nada menos que 150.000 libras ( cerca de 170.000 €).

Fonte: Electrek

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here