Nova guerra entre Google e Apple para jogos exclusivos mobile

Fonte: Olhar Digital
Fonte: Olhar Digital

 

Sempre conhecemos a guerra entre a Google e a Apple pela liderança nos dispositivos móveis, mas a luta continua acessa entre as empresas, agora pela exclusividade dos jogos.

A notícia é divulgada pelo WSJ que cita fontes próximas do assunto e cita, mesmo, alguns exemplos que aconteceram em alguns jogos para confirmar esta informação.

Segundo o site, as aplicações, nomeadamente os jogos, serão o novo campo de batalha entre as duas grandes empresas, na tentativa de terem aplicações exclusivas que convençam os utilizadores a preferirem uma plataforma em detrimento de outra. Os negócios podem ser variados, como destaque da aplicação na loja de aplicações ou a chegada a uma das plataforma alguns meses antes do que a outras.

O WSJ começa por indicar o “Plants vs. Zombies 2” da Electronic Arts, que terá feito um acordo com a Apple para que o jogo ficasse disponível dois meses antes no iOS do que no Android, em troca a Apple promoveu fortemente a aplicação na App Store.

O mesmo aconteceu com o jogo “Cut the Rope 2”, da ZeptoLab, onde a Apple obteve um acordo de exclusividade durante três meses e também promoveu a aplicação na App Store.

O WSJ cita mesmo a Emily Greer, líder da Kongregate um serviço de jogos que pertence à GameStop, que diz que “quando as pessoas gostam de um jogo e não está disponível na sua plataforma atual, as pessoas mudam de plataforma. O gosto por um jogo pode superar tudo”.

A exclusividade de jogos não é nova, temos visto esta estratégia há muitos anos nas consolas, mas nos sistemas operativos móveis é a primeira vez que nos deparamos com esta possibilidade, mas tendo em conta que um estudo recente indica que 70% dos 16 mil milhões de dólares gastos em aplicações para telemóvel destinaram-se à compra de jogos, durante o ano de 2013, prevê-se uma forte batalha neste ramo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here