Nova funcionalidade permite fazer compras no Instagram nas mensagens diretas

O CEO da Meta, Mark Zuckerberg, anunciou que a empresa se prepara para lançar uma nova funcionalidade de “compras nas mensagens diretas” do Instagram.

Com este novo recurso, os utilizadores podem comprar produtos de pequenas empresas e acompanhar pedidos através de mensagens diretas no Instagram. Por agora a opção apenas está disponível nos Estados Unidos.

Para utilizar esta funcionalidade, os utilizadores podem enviar uma mensagem direta para a empresa onde estão interessados ​​em comprar os produtos. Na área do chat, os utilizadores vão poder fazer diferentes funções associadas à sua compra, como pagar, rastrear o seu pedido e fazer perguntas de acompanhamento dos produtos à empresa.

O Instagram refere que é comum que os utilizadores conversem sobre seus pedidos com as empresas através de mensagens directas no Instagram antes de comprar, mas agora vão poderão pagar os vendedores diretamente em seu tópico de bate-papo do Instagram. A compra via mensagem privada também dá aos utilizadores acesso ao suporte do chat na aplicação, refere a Meta.

“Agora é possível comprar produtos de pequenas empresas e acompanhar o seu pedido no chat do Instagram nos EUA”, disse Zuckerberg no post de anúncio. “Pague com Meta Pay e faça o checkout em poucos toques.”

A Meta refere que, agora as pequenas empresas nos Estados Unidos que atualmente não usam o Shops agora poderão discutir produtos, criar pedidos com detalhes do cliente e aceitar pagamentos – sem precisar de mudar para outra aplicação. Quando uma empresa pretende criar um loja digital, pode utilizar as Lojas no Instagram e no Facebook.

O lançamento desta nova funcionalidade acontece quando a Meta renomeou oficialmente o Facebook Pay para Meta Pay no mês passado. As funcionalidades atuais do produto e a experiência geral do utilizador que as pessoas estão acostumadas com o Facebook Pay permanecem os mesmos no Facebook, Instagram, WhatsApp e Messenger.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Mark Zuckerberg (@zuck)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui