Nova ferramenta do Skype promove remoção do plano de fundo

O Skype surgiu em agosto de 2003 e é uma ferramenta muito utilizada nos dias de hoje. Facilitando a comunicação entre pessoas ao redor do mundo, é utilizado muitas vezes por professores, alunos e até mesmo executivos – que realizam entrevistas de emprego no software.

Skype está disponível para sistemas Linux, Mac e Windows.

Os usuários normalmente utilizam webcams, ou até mesmo a câmera de seus notebooks, para a comunicação. Vivendo de aparências dos tronco para cima, muitos já utilizaram o Skype vestindo apenas camisas ou até paletós para demonstrar elegância e profissionalismo frente à câmera.

Logo, é normal – dentre os usuários – deixar de vestir a parte de baixo. Usando apenas pijamas, shorts ou até mesmo roupa íntima! Não é um hábito questionável, o que importa mesmo é a sua face e o que cobre seu tronco.

PORÉM

Contudo, a tamanha importância dada às vestimentas reflete a negligência da imagem de fundo. Alguns mais espertos colocam-se frente a uma parede para evitar mostrar o redor do alojamento em que se encontra. Outros ficam em frente à portas, revelando alguns elementos do ambiente que o circunda.

Às vezes uma arte abstrata que requer uma interpretação prolongada do espectador, um rabisco que comprometa o trabalho pintado ao fundo ou outra pessoa sem roupas em um cômodo – possível de ser visto pela câmera. São algumas coisas que parecem situações cômicas de filme, mas já aconteceram com os usuários do Skype.

A ferramenta de comunicação trouxe um novo recurso que irá ajudar aos seus clientes a evitar este vexame, que por muitas vezes passam despercebidos. A tecnologia de desfoque de fundo utiliza recursos de inteligência artificial e machine learning para identificar rostos, braços e cabelos – borrando todo o resto.

Apesar de inovador o recurso está em fase de testes, pode ser acessado pelos usuários de desktops. Para ativá-lo basta passar o mouse sobre o botão de vídeo do Skype e ativar “desfocar meu histórico”.

Fonte: Engadget

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here