Nokia perde menos 23% que em 2016

1088 milhões de euros. Foi este o registo da gigante finlandesa de telecomunicações de Janeiro a Setembro deste ano, o que representa uma queda de 23% em relação aos números do mesmo período no ano passado, comunicou a empresa nesta quarta-feira.

Nos primeiros 9 meses de 2017, o lucro bruto aumentou 12%, para 6546 milhões de euros, em relação ao mesmo intervalo de tempo do ano de 2016. Já o lucro líquido ascendeu aos 1160 milhões de euros, 92% mais que no mesmo período de 2016.

Houve uma quebra de 3% na facturação da empresa, em grande parte causada pela queda de vendas. O resultado não foi mais grave porque foi compensado pelo crescimento de licenças e patentes.

A Nokia Networks, o principal negócio da empresa, facturou menos 7% que o ano passado, mas a Nokia Technologies, a divisão que gere as patentes e os licenciamentos, teve um aumento de mais de 40% em relação ao mesmo período no ano anterior.

Grande parte deste aumento foi causado pelo negócio com Apple, depois da empresa americana ter usado propriedade intelectual da Nokia sem direitos. O valor deste negócio nunca chegou ao público mas foi o suficiente para retirar todos os processos judiciais movidos pela empresa finlandesa contra a Apple.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here