Mozilla e Google acusam a Microsoft de fechar acesso a Windows 8 RT

A Mozilla e o Google acusam a Microsoft de limitar o acesso a recursos do Windows 8 para tablets, dando uma clara vantagem ao Internet Explorer.

A Mozilla, criadora do Firefox, acusou a Microsoft através do seu blog oficial. Segundo a Mozilla, a Microsoft está a fechar a versão do Windows 8, o Windows RT, a outros criadores de browsers, pois está a limitar o acesso das aplicações ao contrário do que acontece com o Internet Explorer.

Harvey Anderson, General Counsel da Mozilla que escreveu no blog, compara aos tempos em que o Netscape tentou competir com o Internet Explorer, mas a Microsoft adoptou práticas para que o IE continuasse no domínio dos browser da Internet.

O problema está que certas API’s do Windows 8 RT não serão suportados por outros browser o que irá limitar a adaptação de outros browser ao Windows e deixando em desvantagem em relação ao Internet Explorer, que terá todos esses acessos.

Entretanto, o site CNet contactou com a Google que concorda com a acusação da Mozilla. Segundo o site, a Google partilha as preocupações da Mozilla em relação ao Windows 8. O Google sempre apoia a inovação em navegadores web e acredita que a competição aumenta a produtividade da empresa.

Nos contactos entre a Mozilla e a Microsoft, a Microsoft indicou que as limitação devem-se aos processadores ARM, diferente dos processadores x86 usada em PCs e notebooks, e que o Windows 8 RT “não é o Windows”. Harvey Anderson, da Mozilla, diz que a vasta experiência da Mozilla em criar o Firefox para os mais diversificados processadores permite mais uma adaptação e que o argumento de que o Windows 8 RT não é Windows é ridícula.

Até ao momento, a Microsoft não respondeu publicamente.

Fonte: CNet

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here