Microsoft proibida de usar o nome SkyDrive

windows-skydrive-logo_2A Microsoft perdeu em tribunal o direito de usar o nome SkyDrive em toda a União Europeia (UE). Numa batalha judicial contra uma operadora britânica de televisão, a Sky Broadcasting Group (BSkyB), quem saiu a perder foi a multinacional norte-americana que irá agora ter de escolher outro nome.

A BSKyB  alegou perante a justiça que o uso do termo “sky” pela empresa de Steve Ballmer não era apropriado, além de ser suscetível de gerar confusões entre os consumidores. A Microsoft ainda recorreu da sentença, mas no veredito final, conhecido esta sexta-feira, a empresa acabou por sair derrotada, comprometendo-se a trocar o nome do seu serviço de armazenamento de arquivos na “nuvem” não só na Europa, mas também no resto do mundo. O acordo envolveu também uma compensação financeira.

Quanto ao novo nome que a empresa de Redmond irá adotar ainda nada se sabe (sugestões?), mas a companhia está ainda autorizada a usar a marca por um período de tempo razoável até a transição ordenada para um novo nome ficar concluído.

Esta não é a primeira vez que a Microsoft enfrenta problemas devido ao uso de nomes já existentes. Ainda há bem pouco tempo a norte-americana foi obrigada a rebatizar a interface gráfica Metro (do Windows 8) para Microsoft Modern UI Style Guide, depois de uma empresa alemã com esse nome ter reclamado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here