McLaren de estrada podem receber sistema de tração integral híbrido em breve

A McLaren está a estudar a possibilidade de incorporar um sofisticado sistema de tração integral com recurso a motorização híbrido para os seus automóveis de estrada. A marca britânica de supercarros está a braços com o aumento significativo da potência dos automóveis, assim como do binário, e que têm implicações em termos de transferência de potência para as rodas, seja do lado mecânico, seja do lado da física pura.

A revista Car and Driver entrevistou o presidente da McLaren, Mike Flewitt, que confirmou que estão a ser estudadas opções de adição de sistemas de tração integral aos modelos de automóveis da marca, aludindo ainda ao limite de aderência dos pneus.

Ao contrário dos sistemas de tração integral puramente mecânicos que podem ser encontrados noutros modelos de supercarros concorrentes (Nissan GT-R, Audi R8 e Porsche 911 Turbo), a McLaren está interessada num sistema idêntico ao que a Honda desenvolveu para o NSX, com tração puramente elétrica às rodas da frente e que dará muito mais estabilidade à condução.

Para 2022 a estratégia da McLaren reserva um novo modelo com motor central e dois lugares.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here