Justificará o avultado investimento em um Motorola Razr?

Red Magic 5G

Se existe algo que podemos falar sobre o novo topo de gama da Motorola, é que de facto este smartphone tem um pouco de tudo e não é o melhor em nada. Primeiro que tudo pode-se dizer que é dos primeiros smartphones dobráveis que podemos comprar desde já caso resida nos EUA. O mesmo irá apenas estar disponível para venda na operadora Verizon mas acredita-se com bastante convicção que o mesmo irá ser disponibilizado para o resto do mundo principalmente a Europa, pelo que a sua chegada a Portugal poderá apenas ser uma questão de tempo.

No entanto e para começarmos um pouco a falar do smartphone em si, uma coisa é certa, o Razr de prático não tem nada. Para muitos de vós que poderão estar interessados no equipamento, o Razr é mais um equipamento com elegância e estilo do que propriamente um smartphone topo de gama. Talvez para muitos isso pouco importe e prefira este equipamento exatamente por isso, pelo estilo que o mesmo têm. E de facto, estilo não lhe falta. Mas como mencionámos anteriormente, este não é um dispositivo topo de gama em termos de especificações.

Não será aquele com o último processador a ser dos mais rápidos, não será dos que possui uma autonomia superior ou mesmo daqueles que poderá tirar fotografias de excelente qualidade, principalmente se compararmos com smartphones desta faixa de preço.

No entanto e para já, os valores de venda que a Motorola e a primeira operadora Americana que o irá comercializar não são nada animadores, pois estão a avançar com um valor de 1500 dólares. Como ficará o mesmo quando chegar à Europa? Será que o estilo valerá assim tanto esse valor de investimento para um equipamento que a grande maioria de nós provavelmente não irá ficar mais do que 2 anos com o mesmo? Ainda por cima com um equipamento com especificações de um dispositivo de média gama.

Em alguns casos, para quem quer estilo e classe no smartphone que utiliza, provavelmente os valores altíssimos que aí virão a caminho irão se pagar e bem e não terão grande problema em o comprar. Mas para o resto dos utilizadores não será com certeza um smartphone que apenas o iremos apreciar nas prateleiras das lojas.

Fonte: Engadget

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here