Jogador de Fortnite é banido duas vezes do Twitch

A empresa Twitch deixou um jogador do Fortnite voltar à plataforma. Até aqui parece que não tem nada de mais, mas vamos continuar. Este jogador, supostamente bateu sua parceira grávida na frente de seus filhos.

Logo após, ele foi novamente banido por causa de um protesto na mídia social. Fato que não ocorre todo dia. Muitas pessoas utilizaram o Twitter para expressar a sua sensação de revolta pelo ocorrido por culpa do australiano Luke “MrDeadMoth” Munday. Mas explicamos melhor a seguir.

Resultado de imagem para twitch

Estavam revoltados depois dele ser flagrado em uma transmissão. A qual ele agrediu sua parceira durante a transmissão em meados de dezembro. Isso aconteceu na frente de suas duas garotas de três e 20 meses, que podem ser ouvidas gritando ao fundo, tudo captado numa transmissão em direto pel Twitch.

Munday retornou ao Twitch no dia 30 de dezembro para se apresentar no Fortnite novamente. Afinal, ele conquistou milhares de telespectadores. Enquanto isso, na mídia social podia ser sentida a atenção e as emoções em uma mistura de perplexidade e raiva nas pessoas. Até mesmo um funcionário da Twitch, o diretor do Twitch Studios, Marcus “DJWheat” Graham, ficou confuso com o retorno de Munday.

Novamente banido

No dia 4 de janeiro de 2019, finalmente a revolta teve algum resultado. Onde a conta do Twitch que era do Munday, foi banida. Assim como o seu canal foi desconectado e seus vídeos retirados da plataforma.

Mas fica uma questão que ainda não sabemos a resposta. Afinal, por quanto tempo essas medidas irão durar? Se depender do povo do Twitter, elas irão durar para sempre. Mas temos de esperar para ver-

A Twitch segue uma política de não deixar comentários diretamente sobre certas proibições. O pessoal deles, normalmente emitem algumas declarações vagas sobre sua política. Em suas diretrizes, dentro da seção de “violência e ameaças”, o Twitter indica que sempre leva a sério atos e ameaças de violência.

Até agora não sabemos porque a conta de Munday voltou a ficar ativa. Ao que parece, a conta deve ter “escapado” ao sistema de alguma forma. Munday deverá se apresentar no tribunal australiano no fim de janeiro, por uma acusação de agressão comum.

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here