Já jogámos a Beta de Call of Duty Black Ops Cold War

A Activision disponibilizou a Beta de Call of Duty Black Ops Cold War em acesso exclusivo no passado dia 9 de Outubro para todos os jogadores que tivessem pré-reservado o jogo para a PS4. No passado dia 15 a Beta foi disponibilizada de forma exclusiva para todos aqueles que possuem uma PS4, independentemente de terem feito a pré-reserva ou não, e para os que fizeram pré-reserva noutras plataformas.

Entretanto já tivemos oportunidade de jogar a nova Beta, e possuí novos elementos, modos de jogo e detalhes que não estavam presentes na Alpha ou que foram agora melhorados.

Para além disso o jogo foi otimizado e corre agora de forma mais suave no sistema PS4, apesar de ainda incluir algumas falhas ou bugs que são comuns numa Beta Build.

Novos Equipamentos

A Treyarch decidiu adicionar novas armas e perks à Beta que não estavam presentes na Alpha. Foram adicionadas 3 novas armas ao jogo: a espingarda automática QBZ-83 de design chinês, o revólver Magnum (que possuí o nome genérico apresentado em vários jogos da franquia) que dispara o clássico calibre 44 Magnum, a pistola-metrelhadora KSP 45 e ainda uma faca de combate para aqueles que preferem um ataque mais próximo e sorrateiro. Foram adicionados 3 novos “gadgets”: a injeção estimulante que restaura a saúde ao personagem (e que ocupa o lugar dos equipamentos tactical no nosso Loadout), o Semtex (a clássica granada adesiva de Call of Duty) e ainda a uma mina de gás que ocupa o espaço do Field Upgrade no Loadout.

Também foram adicionados 3 novos Perks ao Loadout, cada um na sua respetiva cor (vermelho, azul e amarelo): Paranoia, oferece ao utilizador um brilho amarelo na sua visão do lado em que estão a ser avistado por um inimigo; Quartermaster, que permite ao utilizador regenerar granadas e outro equipamento idêntico 25 segundo após a utilização do mesmo e ainda Gung-Ho, que permite atirar equipamento, disparar e recarregar armas enquanto o personagem corre, trocar de arma mais rapidamente e ainda sofrer menos dano numa queda.

Estas novas adições foram feitas para quebrar um pouco a monotonia presente na Alpha, mas também são muito bem-vindas.

Novos Modos de Jogo

Os dois novos modos de jogo são VIP Escort e Fireteam: Dirty Bomb e estão ambos integrados na divisória de Combined Arms no modo multijogador.

VIP Escort é um modo 6 VS 6 em que todos os jogadores têm uma única vida e uma equipa tem de escoltar um dos seus jogadores, que no início da ronda se transforma em VIP, até um dos dois pontos de extração enquanto a equipa adversária tenta pará-los e eliminar o alvo. Aquele que joga como VIP irá estar armado apenas com uma pistola modificada, mas terá acesso a um radar portátil e ao único Scorestreak da partida, o Spy Plane. A vulnerabilidade transmitida por este modo em conjunto com a união formada pelas equipas em moverem-se quase sempre juntas para proteger o VIP ou atacá-lo são o que tornam este modo tão cativante de jogar e de querer continuar sem parar.

Fireteam: Dirty Bomb já é bastante diferente. Trata-se de um modo semelhante a Battle Royale em que 10 equipas de até 4 jogadores são largados de um avião para um mapa maior do que qualquer outros dos jogos base mas mais pequeno do que um mapa de Battle Royale. O objetivo das equipas é armar o número máximo possível de bombas espalhadas pelo mapa; para tal têm de explorar o mapa à procura de caixas que contenham uranio e possivelmente coletes balísticos e Scorestreaks. Após encherem a bomba com o uranio recolhido e realizarem a detonação a equipa passa à próxima bomba se conseguirem. Ganha a equipa com mais bombas detonadas. No entanto sendo que o modo é uma variante de Battle Royale todos os jogadores estão limitados a uma vida. Com mais 3 amigos e uma boa coordenação este é um modo que não pode perder e que lhe irá proporcionar pelo menos umas boas 2 horas de diversão mas também de suspense, já que não se sabe quando outra equipa pode atacar.

Novos Mapas

Foram adicionados dois novos mapas que não estavam presentes na Beta: Cartel e o mapa de Fireteam: Dirty Bomb.

O mapa de Fireteam é rodeado de montanhas, junta um bioma florestal com um bioma coberto de neve e apesar de ter um tamanho mais pequeno do que um mapa de Battle Royale mostra o que a Treyarch poderá vir a acrescentar em Call of Duty Warzone; já que Modern Warfare e Black Ops Cold War estarão ligados através deste modo Battle Royale. Além disso a própria empresa já tem experiência neste assunto devido ao modo Blackout que estava presente em Call of Duty Black Ops 4.

Já o mapa Cartel dá-nos uma interpretação mais realista da Guerra Fria. O mapa situa-se no Nicarágua e as fações que aqui combatem são a CIA e a agência cubana DGI. Cartel possuí um visual tropical típico do Sul e Centro americanos, mas combina-o com um pequeno aeródromo e posto avançado pertencente a um possível grupo guerrilheiro típico da zona. Este é um mapa que certamente faltava em Black Ops Cold War, visto que já tínhamos cenários urbanos, cobertos de neve ou de areia e até um cenário em alto mar entre navios.

Melhorias

O jogo também recebeu uma pequena mas muito necessitada otimização que permite carregar as texturas mais rapidamente do que na Alpha ou até em Modern Warfare, onde as texturas e modelos de personagens e armas demoram muito mais a carregar sendo que às vezes não possibilitam sequer ao jogador visualizar as modificações efetuadas no seu Loadout antes de uma nova partida.

Alguns sons também receberam um pequeno tratamento, mas infelizmente não chegam ainda a soar tão naturais como os encontrados em Modern Warfare.

Algumas animações, especialmente as relativas a recarga de armas, também foram retrabalhadas. Ainda que não se notem todas, as animações que mais facilmente se notam são respetivas às recargas das armas 1911, AK-47 e MP5. Apesar deste novo retrabalho algumas animações transmitem o mesmo dos sons, o facto de não se parecerem tão naturais. No entanto o olho atento poderá notar que nas armas acima descritas as animações são muito idênticas em relação às armas encontradas em Modern Warfare, sendo que isto é mais um sinal em como os dois jogos estarão relacionados através de Call of Duty Warzone.

O sistema de nível de jogador também já foi implementado, sendo que os jogadores já são obrigados a elevar o seu nível para terem acesso a mais armas e equipamento.

O último elemento adicionado é Frank Woods, o icónico personagem da campanha Black Ops foi agora disponibilizado e qualquer jogador pode selecioná-lo e jogar com ele no multijogador.

Se ainda não jogou esta Beta aconselhamos que o faça e que lhe remova qualquer dúvida que tenha em relação à aquisição do jogo quando for lançado. É capaz de proporcionar uma boa tarde, especialmente se o jogar com amigos. Para quem não tem uma PS4 e não pré-reservou o jogo, a Beta será disponibilizada para os restantes dia 22.

Para ficar a conhecer o novo mapa Cartel e o modo de jogo VIP Escort mostramos agora umas rondas que capturámos no novo mapa e ainda no mapa Moscow.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here