Investigadores criam bateria hiper duradoura

Pixabay

Um grupo de investigadores das Universidades de Michigan e Cornell desenvolveu uma nova tecnologia que é até 100 vezes mais eficiente que as atuais baterias dos smartphones.

O eletromagnético multiferroico é o novo elemento que confere durabilidade extra à bateria. Trata-se de um filme muito fino e polarizado que alterna de positivo para negativo – e vice-versa – utilizando apenas um pequeno pulso de energia. O método desenvolvido aproveita essa propriedade pouco comum para gerar energia.

Com a nova tecnologia, seria necessário carregar o telemóvel apenas cerca de quatro vezes por ano. Para além de smartphones e tablets o grupo de investigadores quer expandir esta solução aos notebooks.

O desenvolvimento desta nova forma de carregamento está ainda nos primeiros passos em laboratório, e deverá estar disponível no mercado a partir de 2030.

Veja também...

Deixe o seu comentário