Internet rápida para umas coisas mas lenta para outras? Atenção à velocidade de upload!

As conversas sobre velocidades de ligação à Internet costumam centrar-se num único valor: 100 ou 200 Mbps, por exemplo. No entanto, praticamente todos os pontos de acesso à Internet em casa possuem duas velocidades, uma das quais é muitas vezes ignorada.

O que são velocidades de download e upload?

As ligações à Internet não têm um sentido único. Quando se está a transmitir música, a jogar jogos online ou a navegar na Internet, o que acontece é que servidores online e dispositivos pessoais trocam informações e dados em ambas as direções. Os dados ou são descarregados da Internet para dispositivos pessoais, ou são carregados de dispositivos pessoais para a Internet:

  • A velocidade de download exprime a velocidade a que o carregamento (“loading”) ocorre para o nosso computador ou dispositivo móvel, por exemplo com imagens num browser, vídeos no YouTube e download de ficheiros.
  • A velocidade de upload exprime a velocidade a que, por exemplo, são carregadas (“uploaded”) fotos no Facebook ou Instagram, vídeos de família para grupos no WhatsApp ou anexos de ficheiros para emails. Isto é, do nosso computador para um determinado serviço na Internet.

Hoje, tanto a velocidade de download como a velocidade de upload são normalmente expressas em megabits por segundo, ou Mbps.

A velocidade de upload está habitualmente escondida

À primeira vista, as ofertas de acesso à Internet são muitas vezes pouco claras sobre a diferença considerável entre as velocidades de download e upload. Por exemplo, se for adquirida uma ligação com 100 Mbps, é provável que este valor se refira apenas à velocidade de download. A velocidade de upload pode ser igual… mas também pode ser inferior. E é bom lembrar que ambos são sempre valores teóricos ideais: raramente se traduzem na prática.

As condições exatas variam dependendo do fornecedor e do contrato e devem ser examinadas de perto, particularmente quando se está à procura de uma nova ligação à Internet. As velocidades de upload lentas estão cada vez mais a tornar-se uma fonte de impaciência.

Quando uma velocidade de upload lenta se torna um problema

Mas porque é que existe sequer uma diferença entre as velocidades de upload e de download? A razão é principalmente histórica. Por um lado, as linhas de dados mais antigas (caso do ADSL, que utiliza a rede telefónica física) têm uma capacidade limitada. Por outro lado, a velocidade de download em casas particulares foi, durante muito tempo, simplesmente mais importante para os utilizadores. No passado recente, fazíamos sobretudo downloads e “consumíamos”. Raramente “produzíamos” e fazíamos uploads.

Agora, porém, as circunstâncias estão a mudar, o que resulta em frustração. Quando se está habituado a fazer streaming 4K nas noites de cinema em casa sem qualquer problema, mas um carregamento extremamente importante do escritório em casa para o servidor da empresa passa pela linha à velocidade de um caracol, é natural que fiquemos impacientes. É a mesma impaciência que surge quando conseguimos fazer download de um videojogo acabado de lançar em tempo recorde, mas temos dificuldades em manter uma qualidade de imagem HD durante uma videochamada com família ou amigos.

Para que aplicações é que o upload é especialmente importante?

Há várias aplicações em que é recomendada ou necessária uma maior velocidade de upload. Os requisitos específicos variam de acordo com as categorias e em função da intensidade de utilização. Por exemplo, há diferenças consideráveis se quisermos publicar um vídeo no YouTube uma vez por mês ou dia sim, dia não. Portanto, se estivermos à procura de uma nova ligação à Internet devemos começar por identificar os nossos requisitos com a maior precisão possível, para estimarmos a velocidade de upload de que necessitamos.

Como princípio, é possível identificar algumas aplicações online que beneficiam de velocidades de upload mais rápidas:

  • Videochamadas e videoconferências: Se estiver a fazer chamadas telefónicas regularmente e por longos períodos e a qualidade for importante, então deve estar disponível uma largura de banda de upload adequada;
  • Transferência de dados: Se ficheiros grandes tiverem de ser transferidos com frequência, é indispensável uma boa velocidade de upload. Não importa se os dados são uploaded utilizando um serviço de nuvem, email ou servidor (FTP) de upload;
  • Redes sociais: As pessoas que são particularmente ativas nas redes sociais e que publicam sobretudo imagens de alta resolução ou mesmo vídeos também vão precisar de uma boa largura de banda de upload. Isto também é verdade no caso do envio de fotos ou vídeos através de mensagens privadas utilizando serviços de mensagens instantâneas;
  • Jogos: Jogar jogos online não exige grandes velocidades de upload. No entanto, as gradações nesta área são fluidas. Por exemplo, se quiser comunicar intensivamente com os seus colegas de jogo, publicar clipes de jogos ou mesmo transmitir os seus jogos ao vivo, os requisitos de upload também aumentam rapidamente.

Medindo a velocidade da Internet

Estão disponíveis várias ferramentas fáceis de usar para testar a velocidade da Internet – e sem ter de criar uma conta. Um bom exemplo destas ferramentas é o Speedtest da Ookla.

Estas ferramentas podem ser utilizadas para medir as velocidades atingidas para downloads e uploads na prática. Depois é possível confirmar se o acesso fornecido à Internet está realmente de acordo com o que foi prometido. Caso contrário, deverá contactar o fornecedor para encontrar possíveis causas para o problema. Para obter as medições mais precisas possíveis há algumas dicas que deve considerar:

  • Fazer múltiplas medições em diferentes alturas do dia;
  • Fazer a medição usando um cabo Ethernet, se possível;
  • Desligar todos os dispositivos com uma ligação online que não estejam a ser utilizados para a medição, se possível.

Melhore você mesmo a velocidade de upload

Os especialistas em redes da devolo de Aachen, na Alemanha, oferecem a mais ampla variedade de soluções para a criação de uma rede doméstica segura e de elevado desempenho.

Para apartamentos pequenos e para melhorar o desempenho da rede Wi-Fi num só piso, a devolo oferece o devolo WiFi 6 Repeater 3000 e o devolo WiFi 6 Repeater 5400. Estes repetidores Wi-Fi alargam o alcance da rede sem fios existente. Com velocidades de transmissão elevadas, funcionalidade mesh avançada e configuração fácil com um só botão, estes repetidores não só tornam a noite de cinema mais agradável, como também melhoram substancialmente a conetividade durante o dia.

Para grandes apartamentos e casas e para melhorar o sinal em vários andares, a linha de produtos Magic da devolo é altamente recomendada. Esta linha inclui adaptadores práticos que funcionam enquanto estão ligados a tomadas de parede, utilizando a cablagem elétrica existente na casa para comunicar entre si. As vantagens desta solução powerline são evidentes: as paredes e os tetos deixam de constituir uma barreira, uma vez que a rede passa através de uma cablagem permanente – sem a despesa ou o trabalho de ter de instalar cabos Ethernet.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui