Instagram com “likes” escondidos chega aos EUA na próxima semana

O Instagram já está a testar uma das grandes mudanças da plataforma, está a esconder a quantidade de Gostos. Este teste começou no Canadá, sendo que já expandiu para mais seis países: Irlanda, Itália, Japão, Brasil, Austrália e Nova Zelândia. Mas na próxima semana não vai ficar por aqui e vai expandir-se para um dos principais países, os EUA.

A revelação foi feita por Adam Mosseri, diretor do Instagram durante a conferência Wired 25. Mosseri afirmou que este teste não estarão disponível para todos os utilizadores da rede social nos EUA, mas começará por um grupo considerável para perceberem como funcionará, no entanto, parece que é mesmo sério. Isto é, esconder os Likes é uma funcionalidade que vai mesmo avançar.

De referir que apesar de a contagem ficar escondida para o público, o utilizador que publica o conteúdo continuará a ver essa contagem. Ao ocultar as contagens de Gostos dos posts, o Instagram deseja “que seus seguidores se concentrem no que partilha e não em quantos Gostos você consegue”.

Isto seria uma grande mudança no funcionamento da plataforma. “Gostar”, apesar de ser desmoralizante às vezes, incentiva as pessoas a publicarem e incentiva a publicar mais conteúdo. Ele também pode incentivar a publicação de conteúdo menos autêntico, como lindas paisagens, nudez ou fotos com armadilhas para atrair mais “likes” e partilhas.

Na imagem em cima, pode ver à esquerda que o post do feed do Instagram não tem uma contagem de “likes”, mas ainda mostra alguns rostos e um nome de outras pessoas que gostaram dele. Os utilizadores são alertados de que somente eles podem ver as contagens do Like do post, e qualquer outra pessoa não verá. Muitos utilizadores excluem as publicações que não recebem imediatamente “Gostos o suficiente” ou publicam em suas contas falsas, se não acharem que terão orgulho dos Gostos que irão obter. Por isso, esconder as contagens pode fazer com que os utilizadores publiquem mais, já que terão menos autoconsciência e não olharão tanto par as estatísticas das suas publicações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here