Inovações GPL diversificam gama Crossland X da Opel

O recém-lançado ‘crossover’ urbano Opel Crossland X alarga a sua gama com uma variante FlexFuel alimentada a gás de petróleo liquefeito (GPL). Com este lançamento, a Opel traz ao mercado o primeiro automóvel a GPL dotado de um inovador sistema de alimentação multiválvulas com um sensor ótico colocado no interior do depósito para facultar uma leitura mais precisa da quantidade de combustível disponível.

Esta é uma vantagem apreciável face aos sistemas GPL convencionais, uma vez que permite ao condutor otimizar a utilização do gás antes de novo reabastecimento. Além das luzes LED que indicam qual o combustível em utilização, o computador de bordo fornece valores de autonomia mais rigorosos, tanto para gás como para gasolina. A autonomia total pode atingir 1300 km, de acordo com a norma NEDC.

O depósito de GPL tem capacidade de 36 litros e está colocado sob o piso da bagageira, no compartimento normalmente ocupado pela roda sobressalente. Desta forma, a habitabilidade – uma das características mais elogiadas do ‘crossover’ da Opel – não é prejudicada.

O Opel Crossland X FlexFuel é proposto com o eficiente motor 1.2 de 81CV, que consome, de acordo com a norma NEDC, 8,4 litros de GPL a cada 100 km em ciclo urbano, 6,0 l/100 km em ciclo extraurbano e 6,9 l/100 km em ciclo misto, ao que correspondem emissões de CO2 de 111 g/km (a gasolina: urbano 6,8 l/100 km; extraurbano: 4,5 l/100 km; misto 5,4 l/100 km; 123 g CO2/km). O sistema de distribuição do motor dispõe de válvulas reforçadas para garantir a máxima durabilidade. Este económico propulsor de três cilindros tem acoplada uma caixa manual de cinco velocidades.

A versão GPL do Crossland X é fabricada pela Opel, na fábrica de Saragoça, em Espanha, onde são produzidos todos os Crossland X.

A opção GPL vem acrescentar ainda maior polivalência ao Crossland X, cuja gama comporta motores a gasolina e a gasóleo, com preços a partir de 17.980 euros e 22.930 euros, respetivamente. A Opel propõe o novo Crossland X FlexFuel em dois níveis de equipamento: Edition, por 19.380 euros, e Innovation, por 20.730 euros. Comparando com as mesmas versões convencionais 1.2 de 81CV, a gasolina, o incremento de preço das variantes FlexFuel é de apenas 1400 euros.

Fotos: Opel Portugal

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here