Hyundai faz parceria com a empresa de computadores quânticos IonQ para desenvolvimento de baterias

A IonQ e a Hyundai Motors anunciaram uma nova parceria projectada para usar o poder da computação quântica, de modo a construir melhores baterias de carros eléctricos. As empresas esperam que a pesquisa beneficie as baterias automotivas de lítio da Hyundai, melhorando os ciclos de carga e descarga dos dispositivos, bem como sua durabilidade, capacidade e segurança.

A equipa desenvolverá novos algoritmos para estudar compostos de lítio e as suas reacções químicas. O projeto IonQ/Hyundai planeia executar um modelo de química de bateria para simular 14 electrões de óxido de lítio.

A equipa do projecto terá acesso a todos os computadores quânticos disponíveis comercialmente na IonQ, incluindo o sistema mais recente que está actualmente em fase beta privado. Esta versão do hardware superou recentemente todos os outros dispositivos testados numa série de testes executados pelo consórcio industrial QED-C, de acordo com Peter Chapman, presidente e CEO da IonQ.

Chapman afirmou ainda que as soluções de química quântica podem abordar as mudanças climáticas.

“A eficiência da bateria é uma das áreas emergentes mais promissoras onde a computação quântica pode fazer a diferença”, disse.

“Em termos de marcos tecnológicos recentes, o sistema usa um avançado sistema de laser de porta dupla individual, onde cada íon está a ser atingido por dois feixes de laser individuais”, afirmou.

TaeWon Lim, vice-presidente executivo e chefe do Centro de Pesquisa de Materiais Fundamentais do Hyundai Motor Group, disse em comunicado à imprensa que a empresa está a entrar na era quântica e desenvolvendo energia de bateria mais eficaz.

“Espera-se que esta colaboração criativa com a IonQ forneça inovação no desenvolvimento de materiais básicos em espaço virtual para várias partes da mobilidade futura”, referiu Lim.

“Volkswagen, Daimler, Bosch, BMW e outras marcas já investiram em pesquisas em diversas áreas de aplicação”, disse Chapman. “A Volkswagen está a explorar a computação quântica numa variedade de aplicações há vários anos, primeiro a procurar a melhor forma de optimizar o roteamento de autocarros e caravanas no tráfego, usando hardware quântico e, mais recentemente, estão a procurar optimizar a rede de distribuição de estações de carregamento”, acrescentou.

Fonte: techrepublic

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui