Huawei Mobile Services expandem o seu ecossistema e atingem novos recordes em 2022

A Huawei alcançou vários marcos no último ano ao expandir o seu ecossistema Huawei Mobile Services (HMS). O crescimento da empresa em 2022 deve-se à inovação contínua da marca, que impulsionou a Huawei AppGallery a tornar-se um dos três principais mercados mundiais de aplicações e um portal para experiências fluídas em todos os cenários e dispositivos para milhões de utilizadores.

Estes são os marcos mais importantes da expansão do ecossistema dos HMS em 2022:

  • A AppGallery tem agora mais de 580 milhões de utilizadores ativos mensais (UAM) em todo o mundo – um aumento de 16% em relação ao 3º trimestre de 2020; e os UAM de Quick Apps ultrapassam agora os 160 milhões.
  • O número de aplicações que podem ser descarregadas da AppGallery para smartphones com HMS aumentou 147% de ano para ano.
  • Mais de 220 mil aplicações estão integradas com o HMS Core a nível mundial, um aumento de 120% em relação ao 3º trimestre de 2020.
  • A AppGallery permitiu mais de 432 mil milhões de download de aplicações em 2021, um salto de 12,5% em relação a 2020 e de 96% em comparação com 2019. Fora do continente chinês, a qualidade da distribuição tem um notável aumento anual de 56%.
  • O número de developers registados que trabalham com HMS a nível mundial cresceu 200% a partir do terceiro trimestre de 2020 para 6 milhões.
  • Os Huawei Mobile Services cobrem 8 centros regionais principais e 15 centros de processamento de dados, abrangendo mais de 170 países/regiões em todo o mundo.
  • O Huawei ID, a porta de entrada para o mundo dos serviços HMS, como é o caso da AppGallery, Huawei Health e Huawei Cloud, tem agora mais de 400 milhões de utilizadores mensais ativos. O Huawei ID assegura que os dados pessoais dos utilizadores estão totalmente protegidos, quer estejam a descarregar aplicações, gerir múltiplos dispositivos, fazer cópias de segurança dos dados e muito mais.
  • O Petal Search, motor de pesquisa dos HMS, tem agora uma funcionalidade que permite aos utilizadores explorar informação através de texto, imagem e voz, ligando-se a mais de 3.000 parceiros do ecossistema.
  • O Petal Search está atualmente a fornecer uma cobertura completa da ação futebolística, desde informação sobre as equipas e torneios, funcionalidades que permitem aos adeptos votar na sua equipa e múltiplas estatísticas para potenciar uma experiência mais imersiva durante os jogos.
  • Com os UAM agora a exceder os 40 milhões, o Petal Maps, serviço de mapas fornecido pela Huawei, acaba de lançar novas atualizações para incluir a AR Walking Navigation, a Partilha de Localização em Tempo Real e o User Growth System, que cria uma experiência de mapa mais imersiva e realista para os utilizadores.
  • O Huawei Assistant alcançou mais de 260 milhões de UAM até setembro deste ano, fornecendo aos utilizadores serviços convenientes de SmartCare Cards e construindo um cenário de serviços completo, incluindo serviços de viagens, urbanos, de compras e financeiros.
  • A Huawei AI Search está agora a fornecer serviços de pesquisa global para 310 milhões de utilizadores, ligando-os à informação local e global em mais de 170 países e regiões.

Huawei Ads em crescimento exponencial

Uma das áreas do ecossistema HMS que apresentou um crescimento significativo em 2022 foi a Huawei Ads, plataforma comercial para dispositivos Huawei que permite aos criadores e anunciantes impactar mais de 730 milhões de utilizadores de dispositivos Huawei. Através deste serviço, a Huawei trabalha em estreita colaboração com os seus parceiros para os ajudar a rentabilizar as suas aplicações e a conceber promoções que incentivem um maior envolvimento com as mesmas.

 Em 2022, a Huawei Ads alcançou inúmeros marcos, entre os quais:

  • O crescimento dos anunciantes aumentou 9 vezes desde 2020, atingindo mais de 2 mil anunciantes em mais de 200 indústrias.
  • O crescimento dos editores aumentou 4 vezes durante o mesmo período para um total de mais de 360 mil editores.
  • São recebidos 4 mil milhões de pedidos de publicidade todos os dias e espera-se que este número cresça 400% em 2023.
  • Os Ads Kits integram 49 mil aplicações a nível mundial.
  • 40% do total do tráfego da Huawei Ads vem da Europa.
  • A principal vantagem da Huawei Ads é o facto de poder operar com base nos seus first-party data, derivados de uma base de 730 mil utilizadores ativos mensais em vários dispositivos; isto permite aos anunciantes impactar, com precisão, o utilizador com a informação do cliente, através de uma publicidade entre canais (AppGallery, Display, Search Ads). Além disso, graças aos anúncios SDKs, a Huawei Ads pode operar através de aplicações e redes de terceiros, o que permite alcançar qualquer dispositivo Android.

 “A AppGallery sempre foi a base da nossa estratégia dos HMS. Durante o último ano, expandimos rapidamente o número de aplicações integradas com o HMS Core na nossa loja e, além disso, impulsionámos o tráfego de qualidade para outros serviços chave, tais como Petal Search, o Petal Maps, o Huawei Assistant, o AI Search e o nosso Huawei Browser”, refere Jaime Gonzalo, Vice Presidente dos Huawei Mobile Services, Western Europe. “Juntamente com a Huawei Ads, estes elementos são essenciais para o nosso ecossistema HMS. Foram concebidos para trabalhar em sinergia com o objetivo de apoiar os negócios dos nossos parceiros e para proporcionar uma experiência memorável e agradável a milhões de clientes todos os dias. E isto é apenas o começo, já que a Huawei Ads vai continuar a melhorar a qualidade da nossa abordagem inovadora”.

O crescimento dos HMS reflete também a ampla expansão da empresa durante o último ano. A Huawei, atualmente avaliada em 71.2 mil milhões de dólares, tem registado um crescimento global do valor da marca de mais de 28%, ano após ano. Isto eleva a Huawei ao número nove no ranking de marcas do Global 500, de acordo com a Brand Finance. Adicionalmente, a empresa investiu 17.5 mil milhões de euros em investigação e desenvolvimento, o que a levou a ser classificada como a nº 1 em termos de pedidos de patentes e a torná-la a principal candidata a patentes na Europa em 2019 e 2020.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui