Huawei já produziu mais de um milhão de smartphones com ArkOS

As novidades em relação ao problema da Huawei com os Estados Unidos continuam, no entanto tem surgido a possibilidade de aumentar a licença temporária durante mais três anos. Desde que todo este alvoroço começou, temos tido conhecimento de detalhes sobre a estratégia que está a Huawei está a preparar e, vendo que o Android é um de seus maiores problemas, não deverá faltar muito para conhecermos o seu próprio sistema operativo: ArkOS (ou outro nome).

Sobre este sistema operativo sabemos muito poucas coisas e as que sabemos, também não são totalmente fiáveis. Até já foram divulgadas algumas imagens do suposto sistema operativo que está a ser preparado pela a Huawei, que deverá ser um fork do Android, uma alteração baseada no AOSP (Android Open Source Project). Agora, um novo comunicado da marca para um site chinês afirma que a Huawei já fabricou mais de um milhão de smartphone com este novo sistema operativo.

A Huawei assegura que o ArkOS será mais rápido e mais seguro que o Android, de acordo com as declarações da marca para as pessoas da China Daily. O que não sabemos é se estes smartphones também estarão livres de qualquer empresa americana, ou se são produzidos simplesmente para testar o novo sistema operativo da marca. Uma das coisas que pode tranquilizar os utilizadores é que a Huawei afirmou que o ArkOS será compatível com qualquer aplicação Android, mas estão a trabalhar com programadores para que trabalhem em conjunto com eles para lançar novas aplicações mais otimizadas para ArkOS.

Desta forma, a confirmar-se, o novo sistema operativo da huawei poderá ter as mesmas aplicações que podemos encontrar no Google Play, desde que, de alguma forma, o apk, o ficheiro de instalação, esteja disponível. Para isso, a Huawei poderá estabelecer uma parceria com a AppToide, a loja de aplicações portuguesa que se afirma como a terceira maior loja de aplicações do mundo, logo a seguir à Play Store e à App Store.

Segundo declarou a Huawei anteriormente, o ArkOS acelera o sistema, aumentando até mesmo 60% a abertura de aplicativos de terceiros em relação ao que temos no Android hoje em dia. A marca já garantiu que será mais seguro que o Android, pois terão mais controle sobre o seu próprio sistema operativo, algo oposto ao que a Google afirmou para tentar convencer o governo americano para que a empresa continuasse a trabalhar com a fabricante chinesa.

De momento, ainda não temos qualquer informação oficial sobre o assunto já que ainda ninguém publicou qualuqer informação ou imagem sobre esses smartphones com ArkOS, no entanto, e isto estamos todos de acordo, é bom que isto se resolva rapidamente, par ao bem de todos.

Fonte : China Daily

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here