Huawei já pode voltar a usar software da Microsoft

Red Magic 6S

A proibição dos EUA para com a Huawei causa imensos problemas à marca, sendo que o que ganha maior relevância é nos smartphones e a relação com a Google é a que se tem mais falado, não é só nesse caso. Os computadores da Huawei utilizam Windows e, com esta proibição, também o lançamento de novos computadores estava em causa.

No entanto, há boas notícias para a Huawei em relação ao mercado dos computadores. A Microsoft confirmou à agência Reuters que o Departamento de Comércio dos EUA aprovou o pedido da empresa para uma exportação em de software “em massa” para a Huawei, o que permite que a Huawei possa voltar a lançar novos computadores com o sistema operativo da Microsoft.

“No dia 20 de novembro, o Departamento de Comércio dos EUA, a pedido da Microsoft, concedeu uma licença para exportar software de mercado de massa para a Huawei. Agradecemos a ação do Departamento em resposta a nossa solicitação “, disse um representante da Microsoft à Newswire num comunicado por e-mail.

A Microsoft não mencionou nenhum software específico como parte desta licença, como Windows ou Office, no entanto o texto sugere que a empresa obteve uma licença geral para exportar software de consumo para a Huawei, em vez de uma licença para um produto específico, o que permitirá que a gama MateBook seja anunciada em força e sem qualquer restição, como está a acontecer com os smartphones Huawei Mate 30.

Estas boa notícias vêm a calhar, já que a Huawei já tinha afirmado que teve de cancelar o lançamento de um novo produto da gama dos computadores devido à proibição.

Se a Microsoft tem permissão para vender qualquer software de consumo para a Huawei, isso significa que a marca chinesa poderá novamente oferecer o Windows nos seus novos computadores.

Mas ainda há outra área importante para os Huawei Matebook: a Intel, pois também foi afetada pela proibição da marca chinesa. O designer de processadores dos EUA confirmou no início deste ano que havia solicitado uma licença para vender chips de computador “de uso geral” para a Huawei, no entanto ainda não há confirmação de que esta licença já tenha sido concebida.

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here